Base VIII - Acentuação Gráfica das Palavras Oxítonas

Por Roberta de Sousa
Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa – Base VIII – Acentuação gráfica das palavras oxítonas

1º) Levam o acento agudo:

As palavras oxítonas terminadas nas vogais tônicas abertas grafadas com –a, -e ou –o, seguida ou não de –s:

Já, Olá, Até, é, és, Pontapé, Avó, Paletó

Exceções: palavras originárias do francês por pronuncia podem receber os dois acentos agudo e circunflexo:

bebé ou bebê, nené ou nenê.

As formas verbais oxítonas, quando, conjugadas com os pronomes lo(s) ou la(s), terminam na vogal tônica –a, após a assimilação e perda das consoantes finais –r, -s ou –z:

Adorá-lo - de adorar-lo
Dá-la - de dar-la
Fá-lo - de faz-lo
Habitá-la - de habitar-la-iam

As palavras oxítonas com mais de uma sílaba terminadas no ditongo nasal ou –ens:

Acém, Detém, Entreténs, Harém, Porém, Provéns, Também

As palavras oxítonas com os ditongos abertos grafados –éi, éu, oi:

Anéis, Batéis, Fiéis, Papéis, Céu, Chapéu, Heróis

2º) Levam o acento circunflexo:
As palavras oxítonas terminadas em vogais tônicas fechadas que se grafam –e ou –o:

Cortês, Lê, Português, Você, Avô, Robô

As formas verbais oxítonas:

Detê-lo - de deter-lo
Fazê-la - de fazer-la
Vê-la - de ver-la
Compô-la - de compor-la

Dispensa-se o uso de acento gráfico para distinguir oxítonas homógrafas, porém heterofônicas:

Cor (ô) – substantivo
cor (ó) – elemento da locução de cor

Colher (ê) – verbo (colher verduras)
colher (é) – substantivo (colher de prata)

Exceção: pôr para distinguir da preposição por.

Fontes
Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, saraiva