Crowdsourcing

Crowdsourcing é a ação de obter ideias, conteúdos ou até mesmo serviços a partir de contribuições que, de modo geral, é realizada por meio de comunidades virtuais. Conforme dados da Crowdsourcing.org., organização fundada em 2010 dedicada ao estudo e implementação da prática, hoje existem 789 serviços baseados em crowdsourcing no mundo, e o maior expoente dessa prática é a enciclopédia digital Wikipedia.

O termo Crowdsourcing é a união de duas palavras inglesas, ‘Crowd’ (multidão/amontoado) e ‘Sourcing’ (abastecimento/fornecimento). Assim, por conseguinte, o termo possui – entre outras – a seguinte definição:

Crowdsourcing é um distribuidor de resolução de problemas e modelo de produção on-line (Daren C. Brabham).

Dessa forma, no uso clássico do termo, os problemas são lançados a um grupo de ‘agentes de resolução’ de modo que estes sejam entendidos como demandas de oportunidade. Vale lembrar que para uma boa resposta, o problema deve ser apresentado em um canal capaz de acomodar o maior número de pessoas que o interessado possa agregar.

Por essência, não há filtro para os colaboradores, ou seja, para ser um colaborador – também conhecido como crowdsourcer – basta apenas aceitar o ‘desafio’. Logo, a ação do Crowdsourcing pode gerar resultados vindos de voluntários, amadores ou até mesmo profissionais. Ainda, por mais que sua prática não pressuponha recompensas, é cada vez mais comum, sobretudo quando o problema aborda algo específico, os solucionadores serem premiados, seja financeiramente ou não.

O Crowdsourcing é muitas vezes apresentado para a execução de tarefas simples ou como parte de trabalhos maiores. Logo, baixa é a frequência com que ele é levado em consideração para a execução de atividades ou processos complexos e contínuos. Entretanto, está sendo provado que essa prática vem se tornando uma opção real que, por vezes,  é capaz de competir com a opção de terceirização que as empresas possuem.

Em meio à conectividade e velocidade de informações, a prática do Crowdsourcing vem se popularizando e, por isso, o termo vem sendo desdobrado. Hoje há praticamente um Crowdsourcing para cada necessidade de trabalho em conjunto. O Microtasks e o Crowdfunding são exemplos desse desdobramento. O primeiro, ‘Micro’ (macro/grande) e ‘tasks’ (atividades/tarefas), é a prática de dividir um grande trabalho em pequenas partes e depois lança-los aos colaboradores. Por sua vez, o Crowd‘fuding’ (financiamento/fundo), envolve pedir ajuda financeira ao maior número de pessoas possível a fim de financiar um projeto.

Referências
Daily Crowdsource. What is Crowdsourcing? Disponível em < http://dailycrowdsource.com/crowdsourcing-basics/what-is-crowdsourcing>

Howe, J. The Rise of Crowdsourcing. Wired, 2006. Disponível em < http://www.wired.com/wired/archive/14.06/crowds.html>

INFO. Crowdsourcing pode mudar forma de consumo. Disponível em < http://info.abril.com.br/noticias/internet/crowdsourcing-pode-mudar-forma-de-consumo-18102011-8.shl>

Arquivado em: Administração