Processo de negócio

Graduada em Administração de Empresas (UNIFEMM, 2010)
Graduada em Comunicação Social (PUC-MG, 2013)

Para se melhor compreender o que é Processo de Negócio, é preciso antes, entender o conceito de processo. Ele consiste em uma sequência de atividades logicamente ordenadas que tenham como objetivo a produção de um produto ou um serviço que tem valor para um determinado grupo de clientes. Esses processos são coordenados e envolvem pessoas. Existem vários tipos de processos envolvidos na produção de um produto ou serviço. Dentre eles, temos o Processo de Negócios.

O Processo de Negócio ou Processo Organizacional geram produtos e serviços que uma organização fornece a um consumidor. Ele é um tipo de processo externo, mas que, no entanto, recebe auxílio de processos internos à organização. Sua importância reside no fato de ser essencial para a construção da imagem organizacional perante os clientes.

Ainda há certa confusão acerca do que consiste o Processo de Negócio. O termo é especialmente usado no setor de serviços como uma denominação paralela à utilizada na indústria: processo de produção. Há quem diga que em uma indústria não há Processo de Negócio. Mas na verdade não é bem assim. Em qualquer empresa é possível identificar a existência de vários processos de negócio. A eficiência de uma organização irá depender da sua habilidade e desenvoltura para planejar e coordená-los de forma adequada.

Para tanto, as organizações podem contar com a ajuda de aplicativos integrados, tais como os sistemas integrados, os sistemas de gerenciamento da cadeia de suprimentos, os sistemas de gestão do conhecimento e de relacionamento com o cliente. Esses sistemas envolvem várias funções e processo de negócios, podendo estar linkados ao processo de negócio de outras unidades ou empresas. Na verdade, o que um aplicativo integrado faz é reunir em um só sistema de software os processos de negócio mais importantes de uma organização. Desse modo, as informações podem circular por toda a organização resultando em uma maior eficiência, melhor coordenação e tomada de decisões.

As vantagens de se ter Processos de Negócio bem definidos e estruturados em uma empresa é ter uma visão melhor da organização, identificando seus pontos fortes, seus pontos fracos e a possibilidades de melhorias e de oportunidades. Estas últimas podem se tornar especialmente lucrativas para a empresa. Com essas informações, a empresa poderá se adaptar mais rapidamente à mudanças do ambiente externo. Outro ponto positivo é a rapidez com que a organização poderá atender aos seus clientes, uma vez que permitem um funcionamento mais sistematizado de suas várias atividades.

Referências bibliográficas:

LAUDON, Kenneth C. Sistemas de Informações Gerenciais. 7.ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

BALDAN, Roquemar; VALLE, Rogério; ROZENFELD, Henrique.Geranciamento de Processos de Negócio – BPM: uma referência para implantação prática. Elsévier, 2014.

Arquivado em: Administração