Chow-chow

Por Débora Carvalho Meldau
O Chow-chow é uma raça canina de porte grande, sendo considerado originário da China, local onde recebe o nome de Songshi Quan, que significa “cão leão-empolado”; recebe também o nome de Tang Quan que significa “Cão da Dinastia Tang”.

Acredita-se que esta seja uma das raças mais antigas, sendo na realidade oriunda da Mongólia, não da China como muitas pessoas acreditam. Quando houve a invasão da Mongólia pelos chineses, estes se encantaram com essa raça e levaram alguns exemplares para a China. Originalmente, os Chow-chows foram treinados para serem animais de pastoreio, caça e guarda; foi também utilizada para puxar trenó e pela carne e pele. Na China sua carne é uma iguaria, sendo na Ásia comum o hábito de consumo carne de cachorro.

Em conseqüência da política de portas fechadas da China, esta raça só ficou conhecida no Ocidente a partir de 1780, quando alguns marinheiros o levaram de contrabando para a Inglaterra, exibindo-o no zoológico como cão selvagem chinês.

Padrão Racial

São animais ativos, compactos, com boa estrutura, bem proporcional, de aspecto leonino. Sua altura varia de 45 a 50 cm.

Possui pelagem bem densa, lisa e resistente. Ao redor do pescoço a pele é grossa, conferindo a esta região uma aparência de juba de leão. O pêlo pode ser de diversas cores, como: marrom-avermelhado, preto, azul, canela, creme (ou branco).

Uma de suas características mais conhecidas é a língua azul. Possui cabeça larga e achatada; orelhas pequenas, espessas, arredondadas e eretas; seus olhos são escuros, amendoados, bem pequenos e bem delimitados; focinho de comprimento moderado; dentes fortes e bem alinhados; possui mucosa oral de coloração escura, assim como a língua.

O pescoço é cheio e relativamente curto; os ombros são fortes; os membros anteriores são perfeitamente retos, apresentando boa ossatura; os membros posteriores são musculosos, com jarretes curtos; o tronco é largo e profundo, costelas bem arqueadas; as patas são pequenas e arredondadas; a cauda se insere no alto e encontra-se sobre o dorso.

Temperamento

São animais que possuem um comportamento dócil, no entanto, se faz necessário a realização de um trabalho de socialização, tanto com pessoas, como com outros animais.

Possuem uma natureza rebelde e não aceitam atitudes desrespeitosas. Esta raça é muito independente e inteligente; latem pouco e, quando o fazem, siginifica que alguma coisa está errada.

São considerados animais de um dono só, manifestando sua alegria apenas para ele, de maneira discreta, e também, sem cobrar muito sua atenção.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Chow-chow
http://www.petbrazil.com.br/bicho/caes/160.htm
http://www.saudeanimal.com.br/chow.htm