Urso Polar

Por Fernando Rebouças
Espécie de mamífero que incide no polo norte, o Urso Polar chega a pesar até 700 kg, vive na calota polar ártica e das costas setentrionais da América e Euroásia. O seu nome científico é “Thalarctos maritimus”.

Urso polar. Foto: By Alan Wilson (www.naturespicsonline.com) [CC-BY-SA-3.0], via Wikimedia Commons

Urso polar. Foto: By Alan Wilson (www.naturespicsonline.com) [CC-BY-SA-3.0], via Wikimedia Commons

Uma fêmea atinge a maturidade sexual aos 4 anos de idade, e o macho aos 6 anos. A reprodução da espécie ocorre entre os meses de abril e maio, a fêmea reproduz de 3 em 3 anos, cada cria gera 2 filhotes.

O período de gestação é de 8 meses, período que exige um aumento de peso de até 200 kg da fêmea para o prosseguimento da gestação. Os ursos polares se alimentam de focas, carcassas de belgas, morsas, narvais e baleias. Na falta destes alimentos, comem o que encontram, até o lixo humano.

O urso polar necessita ingerir 2 kg de alimento por dia. Praticam a caça passiva, quando o urso espera a presa vir à superfície ou próximo de sua toca para dar o bote. Os ursos polares brigam entre si por uma fêmea e por alimentos.

O maior predador do urso polar é o homem, a caça do urso polar iniciou em 1500, e atualmente está regulamentada no Canadá, Groenlândia e EUA, e banida na Noruega e Rússia. O urso polar vivem em média 30 anos, a maioria não passa dos 20 anos, vive em bandos e três ou quatro indivíduos, os filhotes nascem no inverno.

Foto: Alan Wilson (www.naturespicsonline.com) [CC-BY-SA-3.0], via Wikimedia Commons