Clube de Xadrez São Paulo

O Clube de Xadrez São Paulo foi fundado em 1902 por um grupo de amigos que se reunia em um bar germânico no Largo General Osório, no Centro Histórico de São Paulo. As primeiras atas do clube foram grafadas em alemão, tamanho o tradicionalismo de seus fundadores. Por diversas vezes, o clube teve que mudar de local. Sua sede já foi na Rua 15 de Novembro, na Rua Boa Vista, no Largo da Sé, Rua Libero Badaró, Quitanda, Álvares Penteado, entre outras. Atualmente, está localizado na Rua Araújo, 154, República, escondido em cima de um estacionamento.

Uma das vantagens de comparecer pessoalmente ao local é a oportunidade de conferir a imensa biblioteca que eles possuem com revistas, livros e muitas raridades da literatura enxadrística do mundo todo. São quatro mil títulos que fazem do local uma referência no ensino, estudo, análise e discussão do xadrez em termos mundiais. Outro chamariz do Clube de Xadrez São Paulo são os inúmeros jogadores experientes do loca, alguns não gostam muito de papo, mas outros adoram falar sobre jogadas e tem boas histórias sobre xadrez e outros assuntos para contar.

Ao longo dos anos, o Clube de Xadrez São Paulo já recebeu os principais jogadores do mundo. Entre nomes importantes que compareceram ao clube estão os de Jose Raul Capablanca, Alexander Alekhine, Max Euwe, Vassily Smyslov, Tigran Petrosian, Boris Spassky, Anatoly Karpov e Vladimir Kramnik. Outros jogadores exponenciais como Ricardo Reti, Samuel Reshevsky, Miguel Najdorf, Ludwig Engels, Victor Kortchnoi, Bent Larsen, Oscar Panno, Ulf Andersson, Rafael Vaganian, Lubomir Ljubujevic, Anthony Milles, entre outros.

No início dos anos 40, o CXSP organizou o “Torneio Internacional de Água de São Pedro”, que teve suas últimas etapas realizadas em suas dependências. Já em 1954, ano comemorativo do quarto centenário da cidade de São Paulo, foi organizado um Festival Nacional de Xadrez, onde foram reunidos enxadristas de todas as partes do país. Ao mesmo tempo, foi realizado um "Torneiro de Composição de Problemas", que deu origem a um livro editado em português e francês e distribuído aos principais centros enxadrísticos do mundo.

O Clube de Xadrez São Paulo é uma instituição sem fins lucrativos e já passou dos 100 anos de existência e tradição. Em todo esse tempo, não fugiu do seu principal objetivo: ensinar, entreter e formar novos enxadristas, árbitros, instrutores e organizadores, mantendo sempre acesa a chama do xadrez e se mantendo como centro de cultura, consulta e iniciativas ligadas ao xadrez da cidade de São Paulo.

Fontes:
http://www.cxsp.com.br/sobre-o-clube/historia.html
http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u483075.shtml
http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u483077.shtml

Arquivado em: Curiosidades