Modificação corporal

Modificação corporal (ou Body modification) é a alteração proposital de algo na anatomia humana, ou de um fenótipo. Geralmente, é feita por estética, para aumentar o desejo sexual, como ritos de passagem, crenças religiosas, para associação a grupos, como arte, para chocar, ou como um comportamento de auto-expressão e afirmação, bem como atuação no movimento Primitivo Moderno.

Entre as modificações explícitas mais comuns estão:

  • Piercing corporal - a colocação permanente de jóias através de uma fístula artificial, por vezes ainda modificado por alongamento;
  • Piercing na orelha - o tipo mais comum de modificação do corpo;
  • Piercing genital;
  • Anéis no pescoço - vários anéis ou espirais são usados ​​para esticar a pele do pescoço;
  • Tatuagem - a injeção de um pigmento sob a pele;
  • Tatuagem ocular - injeção de um pigmento na esclera (o "branco" do olho);
  • Implante ocular - implante de jóias na camada externa do olho;
  • Implante transdérmico - implantação de um objecto abaixo da derme, mas que sai da pele por um ou dois pontos.

Em contraste com os essas modificações explícitas, alguns procedimentos não são destinados a ser expostos, em vez disso funcionam para aprimorar, ou melhorar de certa forma, alguma parte do corpo, como o implante de silicone nos seios ou de outros objetos que ficam totalmente abaixo da derme, como chifres.

Algumas técnicas de modificação corporal incluem a mutilação e até mesmo a remoção de partes dos órgãos geniais masculino e feminino, como bissecção genital, remoção do capuz do clitóris, remoção dos pequenos lábios etc.

É sabido que a prática da modificação corporal existe há milhares de anos, como as tatuagens feitas na Oceania, as técnicas de perfuração na Ásia e na América, e a escarificação na África. Tais costumes tribais acabaram sendo notados por marinheiros europeus durante o período das grandes navegações no século XVI, ficando marginalizadas durante séculos. Após a década de 1960, houve uma forte valorização de tudo relacionado à cultura oriental, e com isso as tatuagens se popularizaram bastante, enquanto os piercings começaram a ser difundidos pela cultura punk na década de 1970.

Algumas fontes de controvérsia surgiram com a ideia de de tentar embelezar artificialmente a forma natural do corpo, muitas vezes levando a desfiguração e mutilação do indivíduo. Formas extremas de modificação do corpo são freqüentemente vistas como sintoma de transtorno dismórfico corporal, outras desordens mentais, ou a falta de controle da necessidade de expressão. A cirurgia sem licença realizada fora de um ambiente esterilizado muitas vezes pode ser fatal.

http://en.wikipedia.org/wiki/Body_modification
http://www.essortment.com/body-modification-39244.html

Arquivado em: Curiosidades