Acrocianose

A acrocianose é definida como uma patologia vascular permanente, que confere a cor azulada (cianose) à pele das mãos e, menos frequentemente, dos pés, podendo estender-se para antebraços e pernas.

Esta condição surge em consequência da dificuldade que o oxigênio encontra em chegar às extremidades dos membros, tanto superiores quanto inferiores.

Afeta mais comumente mulheres a partir dos 20 anos de idade e, em certos casos, durante a puberdade. A coloração azulada da pele costuma intensificar-se em ambientes com baixas temperaturas.

Esta patologia é indolor e as manifestações clínicas limitam-se à coloração azulada da pele das regiões anteriormente citadas, bem como o aspecto de pele fria, úmida.

Habitualmente, a cianose está ligada a uma condição benigna que não necessita de intervenção médica; todavia, quando esta não é benigna, pode apontar um grave problema médico, habitualmente em associação com outras moléstias do tecido conjuntivo.

A acrocianose também é observada em pacientes que apresentam desordem neuro-hormonal crônica do sistema cardiovascular, em consequência de um choque ou, menos frequentemente, pode indicar a presença de uma doença progressiva e lenta, como insuficiência cardíaca.

O diagnóstico da patologia em questão é feito com base na sintomatologia persistente apresentada pelo paciente.

Geralmente não é necessária a realização de tratamento. O uso de medicamentos vasodilatadores é pouco eficaz. Raramente, pode ser feita a ressecção de nervos simpáticos, objetivando aliviar os sintomas.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Acrocianose
http://www.manualmerck.net/?id=54&cn=673
http://www.tuasaude.com/acrocianose/
http://www.vivendosaudavel.com/a-acrocianose/

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.