Indústria metal-mecânica

É referida pelo nome de indústria metal-mecânica (ou indústria metalomecânica ou metalúrgica, podendo ser ainda conhecida como metalurgia mecânica) uma determinada área da indústria dedicada a todos os segmentos responsáveis pela produção e transformação de metais. Por sua vez, a indústria metal-mecânica compreende os setores de usinagem, estamparia, forjaria, montagem, controle de qualidade, além de outros setores, dependendo da área coberta pela empresa em particular.

A metalurgia evoluiu a partir da descoberta de diversos minérios de fundição e da produção de metal maleável e dúctil, útil na construção de ferramentas e adornos. Conforme o tempo avançava, objetos de metal tornaram-se mais comum, e cada vez mais complexos. A necessidade de continuar a adquirir e moldar os metais cresceu em importância. A competência relacionada à extração de minérios metálicos da terra começou a evoluir, e os ourives tornam-se profissionais mais bem qualificados, além de tornaram-se membros importantes da sociedade. Os destinos e as economias de civilizações inteiras foram afetados decisivamente pela disponibilidade de metais e ourives. O metalúrgico dependia da extração de metais preciosos para fazer jóias, construir aparelhos eletrônicos mais eficientes, e para aplicações industriais e tecnológicos da construção para contêineres para o transporte ferroviário e transporte aéreo. Sem os diversos objetos de metais, os bens e serviços deixariam de se mover ao redor do mundo na escala que conhecemos hoje. Ao mesmo tempo, a indústria metalúrgica está presente cada vez mais no comércio em geral, que disponibiliza vários aparelhos destinados ao uso do amador que deseja realizar qualquer trabalho em sua própria casa. O segmento é responsável pela produção de uma variedade de produtos, incluindo desde a fabricação de bens até serviços intermediários, como máquinas, equipamentos, veículos e materiais de transporte.

A diversidade de produtos originários desse segmento é equivalente aos processos técnicas e equipamentos utilizados na linha de produção, que são diversos. Os processos modernos de usinagem, embora diversos e especializados, podem ser classificados como moldagem, corte e junção. Já os equipamentos empregado na indústria pode ser basicamente classificado em dois grandes grupos: máquinas-ferramenta e máquinas de moldagem de metal. As máquinas-ferramenta são responsáveis pela produção de peças a partir do corte e esmerilagem. As máquinas de moldagem são aquelas que trabalham o metal por meio de forjamento, pressão, perfuração, dobra e cisalhamento (corte). Dentro dos campos de estudo da metal-mecânica destacam-se os processos de deformação plástica, soldadura, fundição e usinagem. Outro ponto importante também é o de estudo das propriedades dos materiais utilizados, o seu projeto e seleção, e ainda dos fenômenos de resistência destes como a fadiga, a fluência ou o atrito.

Bibliografia:
Indústria metal-mecânica. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/Ind%C3%BAstria_metal-mec%C3%A2nica>. Acesso em: 29 nov. 2012.
Metalworking (em inglês). Disponível em: <http://en.wikipedia.org/wiki/Metalworking>. Acesso em: 29 nov. 2012.

Arquivado em: Economia, Indústria