Sociologia da educação

Por Emanuelle Oliveira
A sociologia é uma ciência que estuda a forma de relacionamento entre os grupos, assim como as consequências dessa relação. Seu principal objetivo é o estudo da sociedade, focalizando na educação como uma forma importante de relacionamento entre as pessoas. Essa ciência é significativa para a conscientização social e a formação do espírito crítico. É também uma forma de aperfeiçoar o conhecimento social, auxiliando os interessados a compreenderem melhor o comportamento dos grupos sociais.

Um dos principais sociólogos que se preocupou com essa questão foi Durkheim. Ele acredita que a educação está ligada diretamente a toda vida social, já  que os homens foram responsáveis pela criação da escola. Ele foi o primeiro sociólogo a afirmar que a escola é uma instituição fundamental para formação do indivíduo, pois a escola e a sociedade interagem e se completam. Segundo Poyer (2007) a escola é compreendida como uma das partes que compõe o processo social.

A escola é  uma instituição que atende as condições sociais e está sujeita a mudanças sempre que preciso, por isso é tida como um espaço de socialização. Durkheim entende a sociedade como um organismo funcionando, em que diversas partes trabalham conjuntamente para um objetivo final.  Desta forma, cabe à escola formar o individuo e inserir as regras sociais através da reprodução dos hábitos e valores. Existem aspectos diferentes entre educação escolar e educação fora da escola, por isso é preciso estabelecer uma relação entre elas, já que ambas englobam o processo de socialização e cultura que buscam formar membros da sociedade.

A educação aparece exerce um papel fundamental nas relações sociais, servindo para evitar as contradições que existem entre os interesses sociais e pessoais. Ela é vista como um fator que contribui para a transformação social. Todavia, ela sozinha não tem o poder de transformar, pois surge das mais diversas experiências de vida e das mais diferentes condições de trabalho.

Segundo a sociologia da educação o processo educacional não pode ser separado do espaço da aprendizagem, ou seja, do ambiente em que acontecem as ações do cotidiano e de suas implicações. A escola deve abrir espaço para os alunos refletirem e analisarem sobre os acontecimentos do mundo e suas implicações e se posicionarem de forma politica. Dessa forma, haverá o desenvolvimento do educando através da sociologia.

Referências Bibliográficas:
POYER, Viviani. Sociologia da educação: livro didático. Design instrucional. Palhoça: Unisul Virtual, 2007.
COSTA, Cristina. Sociologia: introdução à ciência da sociedade. 2.ed. São Paulo: Moderna, 1997.