Basquete

Pós-graduação lato sensu em Jornalismo (Faculdade Cásper Líbero, 2014)
Graduação em Educação Física (Complexo Educacional FMU, 2007)

Sobre condições climáticas ruins, o Basquete surgiu como alternativa as aulas de ginástica, realizadas durante o período do impiedoso inverno em Massachussets. James Naismith, professor de Educação Física do colégio internacional da Associação Cristã de Moços de Springfield, apoderou-se da missão dada pelo diretor Luther Halsey Gullick, de criar um jogo em que fosse possível praticá-lo em ambiente interno e externo sem agressividade.

Foto: icsnaps / Shutterstock.com

Foto: icsnaps / Shutterstock.com

Ao pensar de que maneira seria esse esporte, Naismith decidiu jogar com as mãos, sem que a bola ficasse parada com um jogador. O intuito era evitar acidentes e propor uma atividade com espírito coletivo. Para que nenhum jogador o alcançasse, criou alvos fixos posicionados a 3,05 metros de altura, a mesma medida atual, e com dois velhos cestos de pêssego concebeu a cesta.

Após escrever as primeiras 13 regras da modalidade, o primeiro embate aconteceu em dezembro de 1891 com 18 alunos. Os dois competidores mais altos de cada time foram escalados para iniciar a disputa de bola e o jogo prosseguiu com muitas faltas e paralisações, pois a cada cesta convertida, era preciso escalar o alvo para buscar a bola.

Apesar de não ter uma data precisa da primeira partida, oficialmente ocorreu no dia 11 de março de 1892, sobre os olhares de 200 espectadores, os alunos venceram por 5 a 1 os professores da Springfield College.

O Basquete ganhou sua ascensão no início do século XX, com competições se espalhando por diversos países até finalmente chegar nas Olimpíadas de Berlim, em 1936. O próprio Naismith, foi quem iniciou a primeira disputa lançando a bola para cima, uma espécie de agradecimento dos mais de 300 milhões de praticantes no mundo.

O esporte chegou no Brasil por intermédio do americano Augusto Shaw, que desembarcou no país em 1892 para lecionar no colégio Mackenzie, em São Paulo. Embora os homens no início não aprovarem a novidade tornando quase que exclusiva para as mulheres, Shaw conseguiu finalmente organizar a primeira equipe masculina no ano de 1896.

Atualmente o Basquete é praticado em uma quadra, medindo 28 metros de comprimento por 15 de largura. A linha de 3 pontos posiciona-se a 6,75m da cesta enquanto que a de lance livre está a 5,8m.

Com número ilimitado de substituições, cada equipe é composta por 12 jogadores sendo 5 em quadra, que tem como finalidade alcançar a maior pontuação através de arremessos convertidos em cesta.

Regras do jogo

  • Não é permitido voltar a bola quando já estiver na área de ataque;

Faltas

  • Depois de realizar 5 faltas o jogador é eliminado da disputa;
  • Na hipótese da equipe cometer 5 faltas durante um quarto, a adversária ganha 2 lances livres, que se repetem caso sofra mais faltas. O cobrador deverá ser quem sofreu a falta.

Tempo

  • São 4 quartos de 10 minutos;
  • Sempre quando o jogo está paralisado o cronômetro também para;
  • Não existe a possibilidade de empate. Quando acontece, acrescenta-se 5 minutos de prorrogação até sair um vencedor;
  • A equipe obtém de apenas 24 segundos para conclui o ataque e arremessar na cesta, do contrário perde a posse de bola;
  • 8 segundos para levar a bola de sua linha de fundo, para o lado da equipe adversária;
  • O tempo limite de um jogador dentro do garrafão é de 3 segundos;

Referências Bibliográficas:
http://www.brasil2016.gov.br/pt-br/olimpiadas/modalidades/basquete
http://www.cbb.com.br/PortalCBB/?skipintro=True

Arquivado em: Esportes