Patriotismo

É chamado de patriotismo a prática de lealdade, amor devotado, identificação, apoio ou defesa de um determinado país. Originalmente, o termo era utilizado para descrever alguém que apoiava os direitos do país ou da terra, em detrimento do rei e sua corte. O verdadeiro patriotismo se traduz no impulso para defender a pátria ou modo de vida contra uma injusta opressão estatal.

Foto: Aleksandar Mijatovic / Shutterstock.com

Foto: Aleksandar Mijatovic / Shutterstock.com

Em alguns casos, o indivíduo pode acreditar nos princípios sobre os quais um país foi fundado, mas pode ao mesmo tempo acreditar que seu atual governo se desviou desses ideais. Este tipo de pessoa pode acreditar que seria patriótico, portanto, de se opor ao atual governo e forçá-lo a retornar aos seus princípios fundadores.

Ao longo da história, o amor à pátria vinha sendo considerado um simples apego às características físicas do solo. Tal noção mudou no século XVIII, quando os ideais de democracia, as teorias do socialismo e do comunismo emergiram do pensamento político. O conceito de patriotismo ainda se traduzia em um amor a um país por meio de conexões com a terra e as pessoas, mas passou a assimilar noções de costumes e tradições, o orgulho da própria história e a devoção ao seu bem-estar.

Embora patriotas geralmente concordam com a definição básica de patriotismo, eles nem sempre concordam sobre como um patriota deve agir quando confrontado com uma decisão de apoiar ou resistir às decisões e políticas do governo. Noções pessoais, opiniões políticas, condição na sociedade, crenças religiosas ou ainda experiências de vida podem afetar a ideia sobre o que significa ser patriota. A devoção de uma pessoa para com o seu país, por exemplo, pode não ir longe o bastante ao ponto de apoiar a decisão da nação de participar de uma guerra. O cidadão pode reagir de maneiras diferentes, tais como participar de manifestações públicas contra a guerra, apoiando o país a rumar em uma direção diferente ou então recusando-se a se tornar um soldado para lutar pela nação. Já outros certamente entenderiam que a demonstração de verdadeiro patriotismo em tal situação seria a de aceitar a decisão da nação de ir à guerra, recusando-se a protestar publicamente, apoiando as forças armadas ou mesmo se alistar no exército.

A religião também pode afetar a definição pessoal de patriota. Os membros de uma religião que são cidadãos de países governados por outra religião, muitas vezes demonstram patriotismo só até um certo ponto, porque suas crença os orienta a seguir sua religião antes de seguir o governo. Pessoas que são tratadas como cidadãos de segunda classe também podem também adotar diferentes definições patriotismo.

Bibliografia:
What Is Patriotism? (em inglês). Disponível em: < http://www.wisegeek.com/what-is-patriotism.htm >. Acesso: 05/02/13.

Arquivado em: Filosofia