Metaficção

De acordo com a definição do Grande Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa, metaficção é uma narrativa ficcional que tematiza o próprio processo da escrita literária. Ainda segundo o Houaiss, a literatura contemporânea, num processo de auto-reflexão, enveredou pela metaficção a partir da segunda metade do século XX.

Este tipo de literatura pode ser encontrado em livros como “Shame”, de Salman Rushdie, “The White Hotel”, de D. M. Thomas, “Mumbo Jumbo”, de Ishmael Reed, “The Book of Daniel”, de E. L. Doctorow e “The Public Burning”, de Robert Coover. Segundo a crítica literária Linda Hutcheon, as obras em questão fazem uma reflexão consciente sobre a própria condição de ficção em que estão inseridas. Focam no autor e no processo de criação da história, ou seja, o ato da escrita em si.

Além dos autores estudados por Hutcheon, encontramos elementos da metaficção em outras obras como “Janela Secreta”, de Stephen King, em que o principal personagem da trama está tentando escrever um livro. Outro exemplo é “História Sem Fim”, de Michael Ende, romance que retrata as aventuras da imaginação de um menino que está lendo um livro.

No romance de Érico Veríssimo, “O Tempo e o Vento”, encontramos também uma característica de metaficção, pois o escritor se expõe intencionalmente como o autor da história. Este tipo de intervenção também é encontrada em livros como "The Brief Wondrous Life of Oscar Wao", "The Razor's Edge", "Mister B. Gone", "The Unbearable Lightness of Being" e "The Plague".

Apesar da associação da metaficção com autores modernos, livros como “A Odisséia”, de Homero, “Os Contos da Cantuária”, de Geoffrey Chaucer e “Don Quixote”, de Miguel de Cervantes, também apresentam as características do gênero. Durante os anos 50, uma série de escritores franceses publicaram livros com estilos parecidos, dando origem ao “nouveau roman”, tipo de literatura que divergia dos clássicos, mas mantinha as características da metaficção.

Fontes:
CONNOR, Steven. Cultura pós-moderna; introdução às teorias do contemporâneo. São Paulo: Loyola, 1992.
http://houaiss.uol.com.br/busca.jhtm?verbete=metafic%E7%E3o&stype=k
http://en.wikipedia.org/wiki/Metafiction

Arquivado em: Gêneros Literários