Densidade demográfica

Graduado em Geografia (Centro Universitário Fundação Santo André, 2014)

Os termos densidade demográfica e população relativa são sinônimos, que estão se referindo a quantidade de população que habita determinado local, em relação ao tamanho do local, no caso, a área.

A densidade demográfica de determinado país, estado ou município é determinado pela quantidade de habitantes dividida pela área do local, e o resultado se apresentem em habitantes por km².

A importância desse dado demográfico é para analisar a ocupação humana pelo mundo, compreender as áreas com maiores contingentes populacionais e entender os motivos dessas aglomerações, principalmente que ocorrem nos centros urbanizados, onde há melhor qualidade de vida, ofertas de emprego, ou onde há grande crescimento populacional.

Mapa: IBGE, com dados do Censo 2010.

Dentro de um mesmo território pode haver diferenças regionais de densidade demográfica, como por exemplo, no Brasil a região norte tem uma baixa densidade demográfica, enquanto a região sudeste possui uma densidade demográfica alta, isso se dá pela quantidade de habitantes e principalmente em relação a área. Pois se mesma quantidade de habitantes que existem na região sudeste fosse posta na região norte sua densidade continuaria menor, pois essa região possui uma área maior, assim como se a quantidade populacional da região norte fosse posta na região sudeste, devido sua área, a densidade demográfica seria maior.

Quando um local possui uma alta densidade demográfica ele é considerado um lugar povoado, pois está sendo referente a população e a área. Quando um local tem a população alta, indiferente de sua área, ele é considerado populoso, ou seja, em números absolutos de população o local é populoso, mas em relação a sua área ele é povoado.

Países como Mônaco (o menor do mundo) e Cingapura, que são consecutivamente os com a maior densidade demográfica, os mais povoados do mundo, possuem áreas relativamente pequenas em relação aos demais países, e a concentração populacional possui um valor elevado, que não supriria as dimensões territoriais dos países. Mônaco possui uma densidade demográfica de mais 15 mil habitantes por km², ou seja, dentro de um quilômetro quadrado habitam cerca de 15 mil pessoas. Cingapura possui densidade de aproximadamente 8 mil habitantes por km². Sua distribuição populacional só é possível pelo fato da verticalização das cidades, ou seja, construção de prédios, para que a distribuição da população, que é de alto número nesses países, em relação as suas áreas, possa ocorrer.

Dentre os continentes com maiores densidades demográficas, a Ásia é o mais povoado, inclusive porque no continente estão localizados os dois países mais populosos do mundo, a China e a Índia, porém sua densidade demográfica é de aproximadamente 95 habitantes por km², esse número aparentemente baixo se dá pela grande extensão territorial que o continente possui, indiferente da quantidade individual da população de cada país e de suas áreas, nesse caso, soma-se toda a população e divide por toda a área que pertence ao continente, gerando assim a densidade dele.

As menores densidades demográficas se dão geralmente em lugares onde há área relativamente grande porém motivos que a fazem ser inóspita, como o clima, relevo, e outros fatores naturais que influenciam na baixa habitação do local, como é visto na Groenlândia por exemplo, onde a densidade demográfica é menos que 1 habitante por km².

Arquivado em: Demografia