Meridiano de Greenwich

Por Anna Adami
O Meridiano de Greenwich passa sobre a região de Greenwich, nos arredores de Londres, na Inglaterra e é divide o Globo Terrestre em Oriente e Ocidente e pode-se medir a escala de Longitude. A métrica foi estabelecida por George Biddell Airy em 1851 e convencionado internacionalmente no ano de 1884. Na época, antes de ser designado como Primeiro Meridiano, foi cotado também por Portugal (Meridiano de Coimbra), pelo governo da França (Meridiano de Paris) e também pela Espanha (Meridiano de Cádis). Mas na época, a Inglaterra exercia forte poder no mundo e foi definido como o dado nome.

Sua função é servir como referência para o cálculo de distâncias (Longitude) e estabelecer o fuso horário de cada região, correspondente a uma faixa de quinze graus de largura. O horário do Meridiano é chamado de Greenwich Mean Time (GMT). Atravessa sete países (Europa: Espanha, França e Reino Unido e na África: Gana, Burkina, Faso, Mali e Argélia) e dois Continentes. O denominado AntiMeridiano é o Meridiano 180, que se agrupa a irregular Linha Internacional de Data e cruza uma região da Rússia no Estreito de Bering, além das Ilhas de Fiji (Oceano Pacífico).

Antes da sua institucionalização, a contagem do dos graus de Longitude era feita através do Tempo Solar Médio (Em Portugal no Século XIX), e este era medido com dias contados que somavam 24 horas. A partir do ano de 1878, o Observatório Astronomico de Lisboa (OAL) se tornou o único Marco Zero que contava o tempo de todo território. Em 1912, Portugal aderiu ao sistema de Fuso Horário e a hora atual de Portugal Cotinental se tornou a do Meridiano de Greenwich, porém os relógios foram adiantados em 36 minutos e 44 segundos, que é a exata dierença entre os dois meridianos (Greenwich e OAL).

A título de curiosidade, já no ano de 1884, a maioria das embarcações utilizavam o horário do Meridiano como base de referência e na época, o então presidente dos Estados Unidos, Chester A. Arthur reuniu os Chefes de Estado de mais de 25 Nações para discutir a Conferência Internacional do Meridiano, em Washington, DC. Seu parecer final foi a seleção do Meridiano de Greenwich como o principal e único medidor. Os votos a favor foram o Chile, Colômbia, Alemanha, Costa Rica, Guatemala, Hawaii, Itália, Japão, México, Paraguai, Rússia, Espanha, Suécia, Suiça e Turquia. O Brasil e França se abstiveram do voto. A República Dominicana votou contra e por mais incrível que possa parecer, os representantes dos Estados Unidos, Venezuela e El Salvador, não compareceram na votação.

Fonte:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Meridiano_de_greenwich
http://wwp.greenwichmeantime.com/