União das Nações Sul Americanas (UNASUL)

A União das Nações Sul Americanas (UNASUL) é um bloco formado pelos doze países da América do Sul que tem por objetivo aprofundar a integração dessa parte do continente. Tal região do planeta possui grande potencial de riquezas a serem exploradas ou em exploração, fonte de inúmeros recursos naturais, alimentos e combustíveis.

Sua iniciativa surgiu de uma reunião regional ocorrida em Cusco, no Peru, em 2004, e inicialmente o projeto de unificação sul americano recebia o nome de CASA (Comunidade Sul-Americana de Nações), sendo que durante a I Reunião Energética da América do Sul, realizada na Venezuela em 2007, assumiu seu nome atual. Por influência do presidente venezuelano Hugo Chávez, em crítica ao projeto de integração, considerado por ele muito lento, acabou-se por adotar o nome UNASUL (UNASUR nos países de língua espanhola; como o grupo tem ainda Suriname, país de língua holandesa e Guiana, de língua inglesa, quatro são as línguas oficiais do bloco, sendo que em holandês teremos o nome UZAN - Unie van Zuid-Amerikaanse Naties e em inglês USAN - Union of South American Nations).

Além dos doze membros, há dois observadores, o Panamá e o México. A Guiana Francesa, por não se constituir em país independente (colônia da França) não faz parte da união.

O objetivo de tal grupo é o de edificar, de maneira participativa e consensual um espaço de articulação dos respectivos países em assuntos culturais, sociais, políticos e econômicos entre seus povos, gerando assim um maior conhecimento da realidade dos membros dentro da própria organização e consequentemente gerando diretrizes para que cada nação possa melhor se articular no cenário internacional. São prioridade do grupo questões de educação, energia, infra-estrutura, políticas sociais, financiamento, meio ambiente entre outros importantes assuntos que façam parte da realidade dos membros da UNASUL.

Em 23 de maio de 2008, durante Reunião Extraordinária de Chefes de Estado e de Governo realizada em Brasília, aprovou-se o tratado constitutivo da UNASUL, desse modo dando existência concreta ao grupo. Até o presente momento, nove dos doze países já depositaram os instrumentos de ratificação da UNASUL, garantindo a entrada em vigor do Tratado constitutivo no dia 11 de março de 2011.

Quanto à sua estrutura, a UNASUL possui:

  • Conselho de Chefes de Estado e Governo;
  • Conselho de Ministros das Relações Exteriores
  • Conselho de Delegados
  • Secretaria Geral

Exceto pela Secretaria Geral, todas essas instâncias já estão em pleno funcionamento. Há ainda a previsão da implantação de Conselhos de nível Ministerial e Grupos de Trabalho.

Bibliografia:
http://www.itamaraty.gov.br/temas/america-do-sul-e-integracao-regional/unasul - Página do Ministério das Relações Exteriores - UNASUL

http://www1.folha.uol.com.br/folha/bbc/ult272u404782.shtml - Página Folha Online - Entenda o que é a UNASUL

Arquivado em: Geografia