Geografia do Iraque

Por Thais Pacievitch
O Iraque está localizado no oriente médio (continente asiático) e possui uma extensão territorial de 434.924 km². Ao norte faz fronteira com a Turquia, ao leste com o Irã, ao sul com o Kuwait e ao oeste faz fronteira com a Jordânia, Arábia Saudita e Síria.

No Iraque há dois tipos principais de clima, no extremo norte, na divisa com o Curdistão, o clima é semi-árido, caracterizado por uma temperatura média que oscila entre 10 e 15°C. As precipitações médias anuais variam de 250 a 500 mm. Nos setores da planície da mesopotâmia, em direção ao golfo pérsico, domina o clima desértico normal com raras precipitações, grande evaporação e temperaturas médias anuais que variam de 20 a 25° C (durante as épocas quentes, podem atingir até 50° c).

Os rios Tigre e Eufrates são, sem dúvida, os mais importantes do Iraque. O rio Eufrates nasce no pequeno planalto de Armênia (ao oeste da Turquia) a partir da confluência dos rios Murat e Kara-su. Em seguida encontra, em território sírio, seu principal afluente, o rio Jabur. Após percorrer 2.760 km, o Eufrates desemboca no golfo pérsico. O rio Tigre nasce no pequeno planalto de Anatólia (Turquia) e, em solo iraquiano, une-se aos rios Grande Zab e Pequeno Zab, que fluem desde os montes do Curdistão. O rio Tigre junta-se ao rio Al-Qurna, a 64 km da cidade de Bassora. Após 1.950 km desemboca também no golfo pérsico.

Na fronteira com a Turquia e o Curdistão existem regiões montanhosas, com destaque para o monte Algur-Dag, cuja altitude é de 3.730 m. A planície aluvial que se localiza entre os rios Tigre e o Eufrates e aos pés dos montes Zagros é o coração do Iraque. A extensão desta planície acontece desde Al-Fallujah até a costa do Golfo pérsico. O deserto cobre uma grande área nas direções oeste e sul do rio Eufrates, ao oeste, em direção à Jordânia e Síria, e ao sul em direção à Arábia Saudita. No baixo Eufrates existem importantes campos de dunas.

O Iraque está situado numa região onde se encontram as plantas das montanhas do Iraque com as espécies desérticas da Turquia. As plantas são resistentes à seca, pois sobrevivem em lugares com pouquíssima água. Ao norte dos desertos, os matagais das estepes perduram durante os meses de verão. Ervas perenes, álamos e chorões crescem no baixo Iraque, onde se encontram canais e pântanos. As estepes ficam mais densas nas planícies sírias e nas vertentes curdas, onde os montes, situados entre 600 e 2.000 m, estão cobertos de bosques de carvalhos.