Autores de Romances Intimistas

Este gênero literário percorre a esfera íntima das personagens, desvelando suas experiências traumáticas, os conflitos instaurados na psique, as questões espirituais, morais e metafísicas. Normalmente essas figuras fictícias são atormentadas, oprimidas pela sociedade e suas convenções, vivem reclusas, não interagem com as outras pessoas ou, se o fazem, é de uma forma restrita. A literatura intimista ou introspectiva enfoca o conflito do indivíduo na sua esfera consciente e também na inconsciente. Estas obras apresentam a mesma técnica de investigação da alma humana desencadeada por Clarice Lispector e seus narradores que se comunicam com o leitor através do fluxo de consciência. Com este processo narrativo a visão de um personagem é revelada por meio da abordagem marcante dos mecanismos de sua mente; desta forma qualquer distinção entre consciência e inconsciência, o real e o sonho, é obscurecida. Também seguem esta mesma linha intimista Graciliano Ramos, em seu livro Angústia; Lima Barreto, em Isaías Caminha; Lygia Fagundes Telles, em As Meninas; Lya Luft no seu clássico Reunião de Família; Fernando Sabino, no livro O Encontro Marcado, entre outros autores.

Autores e Obras:

  • Clarice Lispector: Perto do Coração Selvagem; A Maçã no Escuro; A Paixão segundo G. H.; Uma Aprendizagem ou Livro dos Prazeres; Água Viva; A Hora da Estrela; Laços de Família; A Legião Estrangeira; A Mulher que Matou os Peixes.
  • Graciliano Ramos: São Bernardo; Angústia; Vidas Secas; A Terra dos Meninos Pelados; Infância; Memórias do Cárcere. 
  • Lima Barreto: Recordações do Escrivão Isaías Caminha; Triste Fim de Policarpo Quaresma; Numa e Ninfa; Morte e M. J. Gonzaga de Sá; Os Bruzundangas; Clara dos Anjos.
  • Lygia Fagundes Telles: As Meninas; Ciranda de Pedra; Verão no Aquário; As Horas Nuas.
  • Lya Luft: Reunião de Família; As Parceiras; A Asa Esquerda do Anjo; O Quarto Fechado; A Mulher no Palco; Exílio.
  • Fernando Sabino: O Encontro Marcado; O Grande Mentecapto; O Menino no Espelho.
  • Virginia Woolf: The Voyage Out; Mrs. Dalloway; Orlando; As Ondas; Flush.
  • James Joyce: Retrato do Artista Quando Jovem; Ulisses; Finnegans Wake.
  • Michael Cunningham: Dias Exemplares; Laços de Sangue; Uma Casa no Fim do Mundo; As Horas; Ao Anoitecer.
  • Lúcio Cardoso: Maleita; Salgueiro; A Luz no Subsolo; Mãos Vazias; O Desconhecido; Dias Perdidos.

Fontes:
http://www.skoob.com.br/grupo/192-literatura-introspectiva
http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/374467
http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/3643331
http://pt.wikipedia.org/wiki/Romance_de_30
http://www.skoob.com.br/autor/530-michael-cunningham

Arquivado em: Literatura