Clássicos do Gênero Ficção Científica

O fim da infância - Arthur C. Clarke

Nesta obra o autor enfoca de forma incrível temas ligados essencialmente à jornada humana. Em um ponto qualquer do futuro, a pobreza, bem como toda e qualquer ambição por bens materiais, foi eliminada. Tudo por conta de uma estirpe de aliens que se aproxima da Terra. Suas espaçonaves movem-se lentamente sobre os principais centros urbanos do Planeta. Qual será, agora, o destino da Terra? Quem são os extraterrestres? Por que permanecem invisíveis?

Fundação - Isaac Asimov

Este volume integra uma trilogia famosa, a Série da Fundação. Um matemático cria um cálculo intrincado que lhe revela o destino do Homem. Ele percebe que o futuro é praticamente comandado por uma organização conhecida como Fundação Enciclopédica. O autor se inspira na trajetória histórica do Império Romano para desenvolver sua trama. Ele mescla reflexões sobre o porvir e uma conspiração política intensa.

Neuromancer - William Gibson

Este clássico é um antecessor da famosa trilogia Matrix. Ele provocou uma profunda transformação neste gênero literário. O livro deu origem à concepção de cyberpunk. Nele surge pela primeira vez a imagem do homem vinculado a uma máquina para mergulhar em outra dimensão do real e a outras pessoas. A história gira em torno de um hacker rejeitado, uma samurai que vive nas ruas, um fantasma que assombra o computador, um terrorista que invade as mentes e um rastafári. Os caminhos dessas criaturas se cruzam em uma trama sensual, agitada e curiosa, na qual se desenrola o eletrizante embate entre o ser humano e as Inteligências Artificiais.

Realidades adaptadas - Philip K. Dick 

Este autor põe em questão as concepções de real e imaginário em sua obra. Entre seus livros mais famosos está O Homem do Castelo Alto. Porém, este livro de histórias curtas já antecipa os elementos que marcarão sua produção literária. Entre os contos que aqui se encontram estão aqueles que deram origem aos clássicos cinematográficos no campo da ficção científica, tais como Minority Report, Agente do Destino e Vingador do Futuro.

Nevasca - Neal Stephenson

Hiro é um personagem que habita dois mundos diferentes em algum momento do futuro. No universo que costumamos chamar de realidade ele é um entregador de pizzas numa das corporações que, ao lado de indivíduos mercenários, comanda os Estados Unidos. Já no mundo virtual, o Metaverso, ele integra a nata que deu origem a esta dimensão, pela qual navega todo tipo de avatar. Nos dois universos o protagonista é um samurai hábil. E terá de recorrer a este dom para libertar as várias dimensões de um perigo sinistro, Snow Crash.

Leia também:

Fontes:
http://revistagalileu.globo.com/Revista/Common/1,,EMI336329-17770,00.html
https://peregrinacultural.wordpress.com/2008/08/31/geek-os-11-livros-de-ficcao-essenciais-para-a-sua-leitura/

Arquivado em: Literatura