Linha de Produtos

Por Fernando Rebouças
Segundo a explicação de Philip Kotler, uma linha de produtos refere-se a um grupo de produtos inter-relacionados  por desempenhar uma função similar no mercado. Geralmente, os produtos que compõem uma linha são ofertadas para os mesmos grupos de consumidores, pelos mesmos canais de distribuição e venda e vendidos numa faixa de preço parecida.

Uma linha de produto possui estratégia especialista, dentre as estratégias destacam-se a de linha completa, especialista de mercado, linha de produto, linha de produto limitado, produto específico e linha de situações especiais.

Leia a seguir cada estratégia:

  • Linha completa – Para conquistar um mercado com maior força, busca-se oferecer uma linha completa de produtos, numa linha de sabonetes, por exemplo, é aconselhável produzir e oferecer sabonete para pele oleosa, seca, por idade, etc.
  • Especialista de mercado – Essa estratégia trata-se de uma oferta de linha de produtos completa direcionada e solicitada por um segmento específico, por exemplo, linha de sabonete para bebê, ou linha de shampoo para animais domésticos.
  • Linha de produto única – É a estratégia que se ocupa em criar e manter no mercado um único conjunto de tipo produtos para atender todos os mercados, como por exemplo, uma linha de shampoo para uso profissional.
  • Linha de produto limitado – Um tipo produto de uso particular direcionado para um segmento específico, exemplo: shampoo para calvície ou sabonete para frieira.
  • Produto específico – Quando um conjunto de produtos é desenvolvido para atender casos particulares para um segmento interessado. Ex: sabonetes e shampoos desenvolvidos por uma farmácia de manipulação.
  • Situações especiais – São produtos oferecidos para atender a situações especiais com algum valor agregado que o diferencie no mercado. Exemplo: shampoo com fórmula especial para o combate à queda de cabelos.

Uma empresa tende a  expandir as suas linhas de produto para a conquistar de um maior market  share, alcançar redução de custos, fortalecer o portfólio e reforçar a sua marca no mercado e na mente das pessoas. Antes de lançar ou ampliar uma linha de produto, o setor de P&D de uma empresa lança mão de ferramentas e etapas de planejamento e execução que mitiguem os riscos de perdas de investimentos e mercado.

É necessário realizar uma pesquisa de mercado para o levantamento de dados a respeito do mercado e público-alvo. Na elaboração de uma linha é necessário uma visão coerente, ou seja, se uma empresa produz roupas há mais de quarenta anos, ela deve ter todo o cuidado caso pense em lançar uma linha de produtos de comestíveis ou de cosméticos.

Considerando todas as etapas a serem efetuadas pelo setor de P&D, é necessário estar sempre atento aos concorrentes, à fatia de mercado (market share) que eles possuem e detectar qual necessidade e desejo há na mente e no hábito de consumo das pessoas, para justiçar a real necessidade do lançamento de uma nova linha.

Fonte:
http://www.portaldomarketing.com.br/Artigos1/Linhas_de_produto_em_Marketing.htm