O uso do Perímetro na escola e na vida

Por Gláucio da Silva Freitas
Para compreendermos o estudo de perímetro é necessário identificarmos outros tópicos que servem como pré-requisitos para um melhor entendimento.

Na geometria chama-se aresta a interseção de dois planos. Seria, por exemplo, o segmento comum de duas faces de um poliedro. Esse segmento comum é a "esquina", ou "quina" da figura geométrica. A aresta também possui o nome de "reta"; visualmente a identificamos como o lado de um polígono. Perímetro é a medida do contorno de um objeto bidimensional. Um polígono tem perímetro igual à soma do comprimento de suas arestas.

Saber também identificar alguns importântes aspectos das figuras geométricas como dissemos anteriormente são de grande proveito, conduzindo os cálculos de forma mais proveitosa e ajudando enriquecer o vocabulário matemático ao realizar o cálculo do perímetro.

É importante observar que temos diversas formas de figuras geométricas; as figuras geométricas regulares e as irregulares. Para o calculo do perímetro de qualquer figura geométrica, seja ela regular ou irregular o perímetro sempre é a soma das medidas de seu lados , diferentemente do calculo da área de determinadas figuras, pois existem algumas particularidades e conceitos.

Às vezes ao estudarmos os assuntos de perímetro e o de área fazemos um pouco de confusão na identificação de cada um, e de qual usaremos para resolver determinadas situações problema. No campo da matemática quando nos é introduzido conceitos básicos que aprendemos no início da vida escolar, aparecem tipos de abordagens que podem nos deixar meios que confusos, como por exemplo, a identificação e distinção da geometria plana, geometria espacial, geometria analítica, todas fazendo relações importantes para que podemos utilizar suas propriedades diariamente na resolução de problemas.

Usualmente aprendemos a ideia de perímetro na geometria plana, onde conhecemos as naturezas das figuras, apesar de usarmos o perímetro na geometria espacial e analítica também. Evidentemente que quando nos é forçado o uso com mais intensidade no aprendizado da geometria plana, é porquê em nosso dia a dia fazemos seu uso, calculando medidas para cercar lotes, espaços, cortes de tecidos,...

Hoje em dia mesmo nós não termos o embasamento matemático e até mesmo uma escolaridade, é evidênte que precisamos sempre de algo significativo para nosso dia a dia e sempre iremos  utilizar os métodos escolares na vida.O calculo de perímetros sempre nos ajuda em diversas etapas do nosso desenvolvimento escolar e em ações rotineiras na qual aplicamos as vezes sem o "saber" matemático.

Bibliografia:
IEZZI,Gelson - Matemática Ensino Médio - Scpione
PAIVA, Monoel- Matemática para o ensino médio - Moderna.