Volume de sólidos geométricos

De modo prático, o volume de um sólido geométrico é a medida da região do espaço limitada por sua superfície. Em termos da Matemática, volume de um sólido é um número real positivo associado ao sólidos de forma que:

  • sólidos congruentes têm volumes iguais.
  • se um sólido S é a reunião de dois sólidos S1 e S2 que não têm pontos internos comuns, então o volume de S é a soma dos volumes de S1 e S2.

Observação: Os sólidos são medidos por uma unidade que, em geral, é um cubo. Portanto, o volume desse cubo é 1. Se sua aresta mede 1 cm, seu volume será 1 cm³. Se sua aresta medir 1 m, seu volume será 1 m³.

Veja abaixo expressões de volume de alguns sólidos.

Cubo

Cubo de arestas medindo L

Expressão do volume do cubo: V = L \cdot L \cdot L = L^3

Leia mais: volume do cubo

Paralelepípedo

Paralelepípedo de comprimento a, largura b e altura c.

Expressão do volume do paralelepípedo: V = a \cdot b \cdot c

Leia mais: volume do paralelepípedo

Prisma

Prismas de área da base Ab e altura h.

Expressão do volume do prisma: V = A_b \cdot h

Leia também: volume do prisma

Pirâmide

Pirâmide de área Ab da base e altura h.

Expressão do volume da pirâmide: V = \frac{1}{3} \cdot A_b \cdot h

Leia também: volume da pirâmide

Cone

Cone de área Ab da base e altura h

Expressão do volume do cone: V = \frac{1}{3} \cdot A_b \cdot h

Leia também: volume do cone

Cilindro

Cilindro de área Ab da base e altura h.

Expressão do volume do cilindro: V = A_b \cdot h

Leia também: volume do cilindro

Esfera

Esfera de raio R.

Expressão do volume da esfera: V = \frac{4}{3}\pi \cdot R^3

Leia também: volume da esfera

Arquivado em: Geometria Espacial