Dentes de Leite

Por Samara Ferreira
Os dentes decíduos são conhecidos como  dentes de leite, temporários, provisórios ou da infância. São estruturas que surgem a partir do segundo semestre de vida da criança e terminam de aparecer em torno dos 24 meses aproximadamente.

Os dentes decíduos recebem os mesmos nomes que os dentes permanentes, ou seja, incisivos, caninos e molares, ausentando-se somente os pré-molares, pois estes substituem os molares de leite ocupando exatamente os seus lugares nas arcadas. Nestas arcadas os molares permanentes não são substituídos por nenhum elemento dentário, apresentando características próprias.

A dentição temporária é constituída por 20 dentes, sendo 10 na arcada superior e 10 na arcada inferior, classificados como incisivos caninos e molares.

Os dentes de leite possuem dimensões e teor de sais de cálcio menores que os dentes permanentes. O que diferencia os dentes decíduos dos permanentes principalmente é o tamanho e o volume de sua raiz com relação à coroa que se apresentam bem maiores.

A coroa dos dentes decíduos apresenta-se intumescida formando tubérculos de esmalte e sua raiz é bem delicada geralmente com o ápice truncado e maior que a do dos dentes permanentes, mas nos molares decíduos suas raízes geralmente apresentam-se achatadas e recurvadas.

Os dentes incisivos de leite (incisivo central superior e inferior e incisivo lateral superior e inferior) são quatro para cada arcada e dois para cada hemiarcada localizados anteriormente e verticalmente nos ossos alveolares. Assim podem ser:

  • Os incisivos centrais superiores erupcionam-se em média aos nove meses com a raiz achatada no sentido vestíbulo lingual, apresentando-se cônica e única.
  • Os incisivos laterais superiores erupcionam-se em média aos 11 meses, com a raiz em forma de cone, única e delgada com curvatura para a distal e vestibular.
  • Os incisivos centrais inferiores erupcionam-se aproximadamente aos oito meses, apresentando uma coroa achatada e delgada no sentido vestíbulo-língual e raiz afilada para a distal e vestibular.
  • Os incisivos laterais inferiores erupcionam-se em torno dos 13 meses, com coroa reduzida, e na sua face lingual apresenta-se geralmente um  cíngulo e com raiz alongada.

Os dentes caninos decíduos podem ser quatro sendo, dois superiores e dois inferiores. Os superiores erupciona-se em torno de um (1) ano e seis (6) meses com cúspides longas semelhando-se a uma lança, com raiz bastante volumosa e cônica. E os caninos inferiores decíduos erupcionam-se em torno de 18 meses, com coroa semelhante a uma lança e raiz achatada.

Os molares de leite são os dentes mais volumosos das arcadas temporárias. Os segundos molares são muito semelhantes aos primeiros molares permanentes, o que não acontece com os primeiros molares decíduos, que não tem correspondentes nas arcadas definitivas. (PICOSSE pag. 68)

Os primeiros molares superiores de leite erupcionam-se em torno de um ano, com coroa cúbica e presença do tubérculo molar, apresentando geralmente três cúspides, duas fossetas triangulares, um sulco principal, presença de cristas marginais e três raízes achatadas.

Os segundos molares superiores decíduos erupcionam-se aos dois anos, com a coroa apresentando comumente a presença do tubérculo de carabelli e a presença de três raízes recurvadas e alongadas.

Os primeiros molares inferiores decíduos erupcionam aos 16 meses com coroa cúbica e alongada e duas raízes. (mesial e distal).

Os segundos molares inferiores decíduos erupcionam-se aos 25 meses, apresentando uma coroa alongada mesio-distal e duas raizes.

Referências bibliográficas:
(1) PICOSSE, Milton. Anatomia dentaria. 4. ed. São Paulo: Sarvier, 1983-1990. Pag 68
(2) Sicher H, Dubrul LE. Anatomia Bucal. 6ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. 1977. p.213-243
Foto 1: http://www.odontologiacmf.com.br/curiosidades/curiosidades1.htm
Ilustração: http://www.wwow.com.br/portal/revista/revista.asp?secao=6&id=11

AVISO LEGAL: As informações disponibilizadas nesta página devem apenas ser utilizadas para fins informacionais, não podendo, jamais, serem utilizadas em substituição a um diagnóstico médico por um profissional habilitado. Os autores deste site se eximem de qualquer responsabilidade legal advinda da má utilização das informações aqui publicadas.