Gado Red-Polled

Por Débora Carvalho Meldau
A raça Red-Polled foi formada na Inglaterra, como consequência dos cruzamentos de dois grupos de bovinos, com caracteres muito distintos: o gado mocho de Suffolk e o gado vermelho chifrudo de Norfolk. Esta primeira raça é mocha, de pelagem vermelha, rústica e boa produtora de leite. Já a segunda raça possui origem escandinava e caracteriza-se por chifres medianos, pelagem de cor vermelha, membros curtos, ossatura fina, crescimento rápido, altamente precoce e boa aceitação no mercado consumidor de carne.

Gado Red Poll. Foto: By Poinciana (Own work) [GFDL (http://www.gnu.org/copyleft/fdl.html) or CC-BY-SA-3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons

Gado Red Poll. Foto: Poinciana (Own work) [GFDL or CC-BY-SA-3.0], via Wikimedia Commons

Os criadores John Reeves e Richard Cugland são os responsáveis pelos trabalhos zootécnicos que culminaram na formação dessa raça.

O Red-Polled é criado nos Estados Unidos, Canadá, Austrália, Nova Zelândia, poucos rebanhos na Argentina e Brasil.

Características raciais

São animais de estatura mediana. Possuem uma pelagem vermelha, nas suas diversas tonalidades, dando-se preferência ao vermelho-escuro; a vassoura da cauda geralmente é branca; as mucosas são rosadas; a presença de manchas brancas no corpo é indesejada.

A cabeça é curta, com fronte larga e perfil subcôncavo; não possuem chifres; as orelhas são finas; os olhos são salientes e vivos, o espelho nasal é largo e com narinas dilatadas.

O pescoço possui comprimento médio, com a linha superior reta e sem a presença de barbela.

O corpo possui conformação predominante para corte; peito é largo; tórax pouco amplo; paletas musculosas; linha dorso-lombo-garupa reta; ventre volumoso; garupa larga; cauda bem implantada, com manchas brancas na vassoura. Os membros são curtos e com bons aprumos; o úbere é bem conformado e de bom tamanho; tetos de tamanho médio e bem dispostos.

Aptidão

Esta é uma raça de dupla aptidão: leite e carne. As vacas produzem, em condições normais, de 3.000 a 3.500 kg/lactação. No Brasil, a produção desta raça não tem sido registrada. Nos Estados Unidos, têm-se registrado excepcionais produções, em algumas criações.

Adaptação

Esta raça adapta-se melhor em regiões de clima temperado, como por exemplo, os Estados Unidos, dando bons resultados tanto para produção de leite quanto para corte. Já em clima tropical, como no Brasil, ela perde em produção e rusticidade para outras raças.

Fontes:
http://www.fazendasantaterezinha.com.br/red.html
http://www.agrov.com/animais/bovinos/red_polled.htm
http://www.ourofino.com/portal/node/661
http://www.medicinaveterinaria.ufba.br/racas.ppt
http://www.yardleycattleco.com/old/cattleforsale-fall09.html