Analista de Negócios

Por Fernando Rebouças
O Analista de Negócios é o profissional responsável por encontrar as melhores oportunidades de negócio no mercado, sempre atento às novas tendências, às inovações na criação de novos produtos, não aprimoramento de produtos já existentes e visa detectar e ajudar a planejas novos rumos para produto e empresa.

É um profissional que auxilia, nas organizações e processos, as tarefas executadas pelo analista de processos e o analista de sistemas. Para ser um analista de negócio é necessário experiência em negociação e visão de variados aspectos de mercado. A origem dessa profissão provém do analista de sistemas, que tinha a missão de atender às exigências tecnológicas dos softwares planejados e utilizados por ele.

Naquele tempo, antes da década de 90, a área de negócios era de responsabilidade quase que exclusiva dos gestores de negócio, profissionais sem nenhum conhecimento ou experiência em Tecnologia da Informação. O analista de negócios veio unir o conhecimento e a experiência entre as áreas de negócios e TI (Tecnologia da Informação).

Essa união numa única profissão é resultado da evolução das organizações que sentiram a necessidade de se adaptarem a um mercado cada vez mais competitivo, numa constante busca de equilíbrio com o macroambiente sócio-econômico.

A globalização, o aprofundamento dos aspectos organizacionais relativos às concorrências e parcerias de mercado e os demais tópicos que marcaram o mercado, principalmente no fim do século XX, causou maior relevância a este profissional, numa necessidade de toda a empresa de enxergar e produzir valores por meio de análises e implementações em nível tecnológico e mercadológico.

Para gerir é necessário conhecer a empresa e o mercado no qual ela atua, para ter novas ideias e gerar novos produtos é necessário produto e uma justificativa de projeto factível proveniente de pesquisas, análises e projeções. Todas essas etapas exigem informação, organização das informações e análises.

A partir daí podemos entender a real demanda por esse profissional nas empresas. O gestor de negócios precisa estar capacitado a atuar e saber interpretar sobre as informações gerada pelo TI, deve se adequar aos novos paradigmas  com o auxílio do analista de negócio.

O analista de negócios é o profissional mais procurado no mercado de tecnologia da informação abrangendo os setores de varejo, construção civil, empresas do governo, saúde, indústria, finanças, automotivo, manufatura, química e energia. Nos dias atuais, esse profissional é procurado por 42% das empresas do país, empresas que buscam um profissional que tenha o conhecimento técnico e de negócios, que saiba se relacionar com os demais departamentos da empresa e que tenha visão estratégica.

Fontes:
http://www.cisc.org.br/portal/biblioteca/dissertacao_gunter.pdf
http://pt.wikipedia.org/wiki/Analista_de_negócios
http://www.catho.com.br/jcs/inputer_view.phtml?id=4782