ABNT

Por Fernando Rebouças
A Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT, foi fundada em 1940 e, até os dias atuais, é um órgão de normalização técnica na indústria tecnológica do Brasil. A ABNT  é uma instituição privada sem fins lucrativos.

A ideia inicial para fundar a instituição surgiu em 1937, durante a 1ª Reunião de Laboratório de Ensaios de Materiais. Nessa reunião foram debatidas questões relacionadas ao aprimoramento de pesquisas e consolidação de novas tecnologias.

No fim da década de 30, a ideia de se fundar a ABNT, uma entidade brasileira responsável pela normalização de nossa indústria, amadurecia até a fundação em 1940. A ABNT ganhou relevância no Brasil e iniciou sua projeção no exterior.

No ano de 1947, ajudou a fundar a International Organization for Standardization (ISO), sendo a sua representante exclusiva no Brasil, a International Electrotechnical Comission (IEC) e a Associação Mercosul de Normalização (AMN).

Em 1961, ajudou a fundar a Comissão Pan-Americana de Normas Técnicas, cuja primeira reunião ocorreu no Uruguai. Essa instituição responsável pelas normas técnicas nas Américas, cuja sigla é COPANT, tem o principal objetivo de planejar e implementar normas técnicas nos países membros em prol do desenvolvimento científico e industrial.

A sua participação na fundação do Comitê Mercosul de Normalização ocorreu em 1991, no intuito de integrar o mercado único entre os membros do Mercosul, cujo convênio viria a ser firmado em 1999. A partir daí, o Comitê passou a ser referido como Associação Mercosul de Normalização (AMN).

A partir dos anos 60, a ABNT foi reconhecida pela lei como Órgão de Utilidade Pública e, em 1992, por meio da Resolução n°7, expedida pelo Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, a ABNT passou a ser reconhecida como único foro de normalização no Brasil.

Em algumas situações, a entidade passou por algumas dificuldades financeiras, durante os anos 70, 80 e 90, mantendo-se graças aos esforços de seus colaboradores e associados e, anos depois, durante a crise do Real ocorrida em 1999, que remeteu a ABNT num período de quase falência.

Em 2003, a ABNT se recuperou pela introdução de novas diretrizes administrativas e pela conquista de sua credibilidade. Até os dias atuais, a ABNT é vista como referência de segurança e credibilidade no quesito de padronização e qualidade de produtos utilizados na produção e na prestação de serviços.

Fontes:
http://www.abnt.org.br/m3.asp?cod_pagina=929
http://www.abnt.org.br/downloads/conheca_abnt/historicoabnt.pdf
http://www.abnt.org.br/m3.asp?cod_pagina=931