Símbolos de Riscos Químicos

Por Susana Lorena
A química está cheia de símbolos representativos. Imagens e letras que ajudam na comunicação rápida facilitam na escrita de reações.

Os principais símbolos são os que representam os elementos químicos. Alguns são de fácil interpretação como Mg (magnésio), Zn (zinco) e Ca (cálcio). Outros possuem origem latina como Au (ouro), Ag (prata) e Na (sódio). Outros ainda são nomeados como homenagem a cientistas ou lugares. Como exemplo temos o Am (amerício), Po (polônio), Rf (rutherfórdio) e Md (mendelévio).

Outros tipos de símbolos fazem referência aos riscos que o produto químico oferece. Esses símbolos são encontrados nas fichas de segurança. As fichas de segurança trazem informações importantes sobre os cuidados a tomar em caso de acidente e sobre o armazenamento deste produto. Esses símbolos também são encontrados nos frascos dos produtos. Cada um indica um tipo de aviso sobre o produto:

Tóxico ou altamente tóxico

Qualquer tipo de contato com essa substância é nocivo a saúde. Inalação, contato com a pele, ingestão e etc todos esses contatos devem ser altamente evitados. E em caso aconteça, deve-se procurar um médico imediatamente.

Corrosivo

Esse símbolo indica que o produto pode ser corrosivo tanto para pelo quanto para superfície.

Nocivo à natureza

Esse tipo de composto deve ser tratado antes de ser despejado, ou então guardado e entregue em um lugar onde ele receberá tratamento adequado. Ele pode contaminar corpos d’água, solo e animais.

Explosivo

Deve-se manter guardado longe de fogo e equipamentos aquecidos. Em caso de cilindros de gases comprimidos deve-se também evitar pancadas. Esse composto pode facilitar a combustão dificultando apagar algum provável incêndio.

Material inflamável

Que pode facilmente pegar fogo, deve-se evitar contato até mesmo com o ar.

Outro símbolo muito usado é o diamante de segurança - Diamante de Hommel. Se trata de um losango dividido em quatro quadragos, cada um com uma cor. Cada um deles recebe um número ou um código de letras.

Azul - Riscos à Saúde

0 - Não Perigoso ou de Risco Mínimo
1 - Levemente Perigosa
2 - Moderadamente Perigosa
3 - Severamente Perigosa
4 –Letal

Vermelho - Inflamabilidade

0 - Substâncias que não queimam
1 - Substâncias que precisam ser aquecidas para entrar em ignição (Ponto de Fulgor)
2 - Substâncias que entram em ignição quando aquecidas moderadamente (Ponto de Fulgor abaixo de 93ºC)
acima de 93ºC)
3 - Substâncias que entram em ignição a temperatura ambiente (Ponto de Fulgor abaixo)
4 - Gases inflamáveis, líquidos muito voláteis (Ponto de Fulgor abaixo de 23ºC)

Amarelo - Reatividade

0 – Estável
1 - Instável se aquecido
2 - Reação química violenta
3 - Pode explodir com choque mecânico ou calor
4 - Pode explodir

Branco - Riscos Específicos

ALK - Alcalino (Base) Forte
ACID – Ácido Forte
OXY – Oxidante Forte
W - Não misture com água
COR - Corrosivo

Outros símbolos

Risco radioativo

Utilizado em locais onde se encontram produtos radioativos, como tambores de lixo utilizados em usinas nucleares, materiais usados com equipamentos de raios-x, entre outros.

Risco Biológico

Para designar substâncias que podem representar risco à saúde de organismos vivos, principalmente humanos. Estão presentes nos recipientes onde são descartados materiais utilizados em hospitais.

Fontes:
http://daimondambyental.blogspot.com/2009/10/qual-e-nossa-missao-gerar-uma.html
http://pt.wikipedia.org/wiki/Símbolo_de_risco