Enem na UFMG

Enem na UFMG

Durante alguns anos, a Universidade Federal de Minas Gerais não recorreu ao Enem para qualquer tipo de avaliação dos alunos que ingressavam em seus cursos de graduação. No entanto, com a nova representação do Enem para o sistema educacional brasileiro e com as exigências do Ministério da Educação, a instituição de ensino adotou uma nova postura frente ao exame.

Nos últimos anos, o Ministério da Educação promoveu grande expansão do Sistema de Seleção Unificada, popularmente conhecido como SiSU. Para participar desse processo seletivo que é revolucionário na educação brasileira, o aluno que está concluindo o Ensino Médio precisa obrigatoriamente ser avaliado na prova do Enem. O SiSU permite maior flexibilidade na escolha de cursos superiores e também na escolha da instituição de ensino desejada. Se antigamente era preciso viajar para várias cidades para prestar o Vestibular das respectivas universidades desejadas, hoje é possível concorrer a uma vaga em qualquer instituição pública do país através de uma única avaliação nacional que pode ser feita na própria cidade do aluno.

A Universidade Federal de Minas Gerais adotou o Sistema de Seleção Unificada de forma ampla. Atualmente, a instituição está sintonizada 100% com as diretrizes avaliativas do MEC. Assim, as vagas nos cursos de graduação da Universidade Federal de Minas Gerais que são preenchidas integralmente pelo Enem, que têm ligação direta com o SiSU. Os estudantes devem prestar o Exame Nacional do Ensino Médio e, com o resultado obtido, podem se inscrever no processo seletivo da UFMG via SiSU. O modelo de ingresso atual possui apenas uma fase, à exceção dos cursos que exigem prova de habilidade específica, viabilizada através do Enem, mas o formato corrente do SiSU permite que o aluno se candidate a dois cursos de graduação na mesma instituição ou em instituições diversas. A UFMG faz várias chamadas até completar o número de vagas ofertadas em cada curso.

Fonte:
http://www.ufmg.br/copeve