Base XV – Hífen em Compostos, Locuções e Encadeamentos Vocabulares

Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa – Base XV – hífen em compostos, locuções e encadeamentos vocabulares

1º) Emprega-se o hífen nas palavras compostas por justaposição que não contêm formas de ligação e que sejam de natureza nominal, adjetiva, numeral ou verbal, constituem uma unidade semântica e sintagmática e mantêm acento próprio, podendo o primeiro elemento estar reduzido:

Ano-luz
Arco-íris
És-sueste
Médico-cirurgico
Rainha-cláudia
Tio-avô
Turma-piloto
Afro-asiático
Luso-brasileiro
Finca-pé

2º) Emprega-se o hífen nos nomes próprios de lugar compostos, iniciados pelos adjetivos grã, grão ou por forma verbal, e ainda cujos elementos estejam ligados por artigo:

Grã-Bretanha
Abre-Campo
Passa-Quatro
Traga-Mouros
Entre-os-Rios
Monemor-o-Novo

3º) Usa-se hífen nas palavras compostas que designam espécies botânicas e zoológicas, ligadas ou não por preposição ou qualquer outro elemento:

Abóbora-menina
Couve-flor
Erva-doce
Andorinha-grande
Formiga-branca
Bem-te-vi

4º) Usa-se hífen nos compostos pelos advérbios bem e mal, quando estes formam com o elemento que se lhes segue uma unidade sintagmática e semântica e tal elemento começa por vogal ou h. No entanto, o advérbio bem, ao contrário de mal, pode não se aglutinar com palavras começadas por consoante:

Bem-aventurado
bem-estar
Mal-afortunado
Bem-criado (malcriado)
Bem-ditoso (malditoso)
Bem-mandado (malmandado)
Bem-nascido (malnascido)
Bem-soante (bemsoante)
Bem-visto (malvisto)

5º) Emprega-se o hífen nos compostos com os elementos além, aquém, recém e sem:

além-Atlântico
aquém-fiar
recém-casado
recém-nascido
sem-cerimônia
sem-vergonha

6º) Não se emprega em geral o hífen em locuções substantivas, adjetivas, pronominais, adverbiais, prepositivas ou conjuncionais:

1. Substantivas: sala de jantar, fim de semana.
2. Adjetivas: cor de vinho, cor de café.
3. Pronominais: cada um, ele próprio, nós mesmos.
4. Adverbiais: à parte, à vontade, depois de amanhã.
5. Prepositivas: abaixo de, acerca de, acima de, a fim de.
6. Conjuncionais: afim de que, ao passo que, contanto que.

Exceções: água-de-colônia, arco-da-velha, cor-de-rosa, mais-que-perfeito, pé-de-meia, ao deus-dará, á queima-roupa.

7º) Usa-se o hífen para combinar palavras, chamados de encadeamentos vocabulares:

a divisa Liberdade-Igualdade-Fraternidade
a ponte Rio-Niterói
o percurso Lisboa-Coimbra-Porto
a ligação Angola-Moçambique

Arquivado em: Acordo Ortográfico