Brainstorming

Brainstorming é o nome dado à uma técnica grupal – ou individual – na qual são realizados exercícios mentais com a finalidade de resolver problemas específicos. Popularizado pelo publicitário e escritor Alex Faickney Osborn, o termo no Brasil também é conhecido como ‘Tempestade de ideias’. Tal técnica vem sendo considerada a espinha dorsal em muitas áreas, como a publicidade, o marketing, a Gestão de Processos, bem como todas as ramificações da engenharia.

Brainstorming ou “tempestade de ideias” é uma técnica para explorar o potencial de ideias de um grupo de maneira criativa e com baixo risco de atitudes inibidoras (LIMA, H. G. F.).

Brainstorming. Foto: Pressmaster / Shutterstock.com

Brainstorming. Foto: Pressmaster / Shutterstock.com

De acordo com os professores Robson Selene e Humberto Stadler, o formato do Brainstorming considera três fases distintas, onde a “primeira é aquela em que as ideias são geradas, a segunda é destinada à realização dos esclarecimentos relativos aos processos, e a terceira presta-se à avaliação das ideias propostas”.

Ainda segundo os professores, cada uma das três fases possui passos específicos e o desdobramento ocorre da seguinte forma:

  • Fase 1- passo 1: Escolhe-se um facilitador para o processo que definirá o objetivo;
  • Fase 1- passo 2: Formam-se grupos de até dez pessoas;
  • Fase 1- passo 3: Escolhe-se um lugar estimulante para a geração de ideias;
  • Fase 1- passo 4: Os participantes terão um prazo de até 10 minutos para fornecer suas ideias, que não devem ser censuradas.
  • Fase 2- passo 5: As ideias deverão ser consideradas e revisadas, disseminando-se entre os participantes;
  • Fase 2- passo 6: O facilitador deverá registrar as ideias em local visível (quadro, cartaz etc).
  • Fase 3- passo 7: Deverão ser eliminadas as ideias duplicadas;
  • Fase 3- passo 8: Deverão ser eliminadas as ideias fora do propósito determinado;
  • Fase 3- passo 9: Das ideias restantes devem ser selecionadas aquelas mais viáveis (se possível, por consenso entre os participantes).

Para Scott Berkun, escritor e conferencista estadunidense, a coisa mais importante sobre o Brainstorming é o que acontece após a reunião. Segundo ele, não importa quão simples tenha sido a sessão de Brainstorming, pois boas ideias sempre irão surgir. Entretanto, dependendo do que aconteça após essa sessão, as ideias podem ou não gerar resultados satisfatórios.

Referências
LIMA, Heuber Gustavo Frazao. Brainstorming. Disponível em: < http://heuberlima.files.wordpress.com/2011/08/senai-requisitos-aula3-brainstorming.pdf>.
SELENE, Robson; STADLER, Humberto. Controle da qualidade: as ferramentas essenciais. Curitiba: Ibpex, 2008.

Arquivado em: Administração