Certificado ISO 22000

A ISO22000:2005 é mais uma das normas da família ISO (International Organization for Standardization), porém esta norma tem como foco a segurança alimentar e a aplicação de requisitos para um “Sistema de Gestão da Segurança de Alimentos” onde a organização deve controlar os perigos e os chamados “pontos críticos de controle” com o intuito de evitar qualquer tipo de contaminação do produto e garantir que ele esteja seguro no momento do consumo.

A ISO22000 foi criada em 2005 em uma parceria da ISO, com a GFSI (Global Food Safety Initiative) e a CIAA (Confederation of Food and Drink Industries of the European Union) e foi baseada nos sete passos do APPCC (Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle, ou na sigla em inglês, HACCP – Hazard Analysis of Critical Control Point), definidos no Codex Alimentarius: um programa conjunto da FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação) e da OMS (Organização Mundial de Saúde) onde foi criado um fórum internacional, em 1962, para criar normas para a produção, manuseio e fornecimento de alimentos de forma a proteger a saúde da população e remover barreiras tarifárias.

A ISO22000 dá grande ênfase, também, à comunicação em todo o sistema de gestão durante toda a cadeia produtiva do alimento. Seguindo a diretriz das outras normas da família ISO, a ISO22000 também possui requisitos como os de documentação, responsabilidade e autoridade e outros, até mesmo para facilitar sua incorporação em empresas ou organizações que já possuam outras certificações como a ISO9001 e a ISO14001 possibilitando até mesmo a adoção de um sistema de gestão integrado, tendo como diferenciação apenas alguns requisitos como a definição de uma política de segurança alimentar (que porém, pode ser incorporada à política já existente na empresa), o planejamento do sistema de gestão da segurança de alimentos, o planejamento e realização de produtos seguros e o estabelecimento de “programas de pré-requisitos operacionais” ou requisitos de boas práticas, e do plano de APPCC.

O ponto de destaque da norma é o controle de perigos (físicos, químicos ou microbiológicos) que devem ser controlados através da definição dos “pontos críticos de controle” (chamados de PCC), de níveis aceitáveis de perigos e de um programa de monitoramento e melhorias.

As outras normas relacionadas à ISO22000 são: a ISO/TS 22004:2005, um guia para implementação da ISO22000; ISO/TS 22003, requisitos para organismos que oferecem auditoria e certificação do sistema de segurança de alimentos; e ISO 22005, sobre a rastreabilidade na cadeia de alimentos.