Sumô

O sumô é uma luta de origem japonesa, na qual dois lutadores se enfrentam em um ringue de formato circular (sem as “cordas” como as de boxe). O objetivo da luta é derrubar o adversário ou empurrá-lo para fora do ringue. Não são permitidos socos, chutes, etc.

No Japão o sumô é um esporte muito popular, onde os lutadores profissionais são muito famosos, mesmo porque os torneios são transmitidos inclusive pela televisão. Os torneios normalmente duram 15 dias.

A origem do sumô é um tanto mitológica. Muitas tradições são mantidas ainda hoje. Antes do início de torneios e lutas existe uma série de rituais seculares.

Durante a luta, é usado apenas o mawashi, ou seja, uma faixa de tecido grosso, que cobre suas partes intimas. O mawashi é enrolado em volta da cintura do lutador e pode ser agarrado pelo adversário com a finalidade de efetuar golpes.

As lutas são extremamente rápidas, tanto que uma luta normalmente não passa de 15 segundos. Nas raras ocasiões em que chega a quase um minuto, os torcedores vão a loucura.

O sumo foi trazido ao Brasil pelos imigrantes japoneses no início do século 20. Já em1914 aconteceu o primeiro campeonato, no interior de São Paulo. Em 1998 foi criada a Confederação Brasileira de Sumo, sendo que o Brasil sediou o primeiro Campeonato Mundial de sumô disputado fora do Japão em 2000.

Ao contrário do que se pode pensar, no Brasil não são somente homens obesos que podem praticar o esporte. Mulheres e crianças também praticam o esporte, e o sobre peso não é um pré-requisito no Brasil, ao contrário do Japão.

Recentemente no Brasil foi adotada a categorização por idade (até o juvenil) e por peso (para os lutadores adultos). As categorias são as seguintes:

- Mirim - até 13 anos.
- Infantil -13 a 16 anos.
- Juvenil -16 a 19 anos.
- Adulto Leve - 85 kg para homens e 65 kg para mulheres.
- Adulto Médio - 85 kg a 115 kg para homens e 65 kg a 85 kg para mulheres.
- Adulto Pesado - acima da 115 kg para homens e acima e 85 kg para mulheres.
- Adulto Absoluto - sem limite de peso.

A tradição é muito respeitada, sendo que a vitória não é muito comemorada, por respeito ao adversário.

Fontes
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE SUMÔ. Acessado em: 27 de mar. de 2008. Disponível em: http://portal.esporte.gov.br/snear/cdn/infoEntidades.jsp?identidade=116

Arquivado em: Artes Marciais