Fitopatologia

Fitopatologia é a ciência que estuda as doença vegetais, passando por todas as etapas: desde o diagnóstico até o tratamento e controle. Apesar do histórico antigo (desde antes de Cristo, por exemplo) de identificação de doenças vegetais, a ciência que cuida e desenvolve técnicas para erradicar essas mazelas das plantas só foi criada há bem pouco tempo.

Esse tardio surgimento desta ciência tem uma explicação: quando pragas acometiam plantações inteiras ou quando fungos se alastravam de um pé de planta para outro, por exemplo, isto era definido como um fenômeno sobrenatural ou até mesmo místico. De qualquer forma havia a perda do trabalho de um ano inteiro ou de um período, e isto era justificado desta maneira simplesmente por não haver naquela época, uma explicação plausível para o fato.

No entanto a evolução dos tempos facilitou o entendimento dos observadores, fazendo com que fosse possível notar que por haver uma interação da planta com o patógeno pode surgir avarias para um indíviduo ou para uma plantação inteira. Essa preocupação agora tem outros fundamentos que não só o financeiro (quando o prejuízo da perda de lavouras afetava diretamente o bolso daqueles que investiam), mas também o cuidado com a qualidade do alimento produzido. Pois isso refletirá diretamente no cenário comercial e por conseguinte implicará na soma dos lucros.

No início dos estudos da fitopatologia a preocupação era combater as pragas e toda sorte de doenças. Hoje o olhar é completamente diferente, é mais profundo. Os conhecimentos vão além e propõem, na medida de sua limitação, o melhoramento genético de algumas espécies. Fazendo, desta forma, com que fiqeum mais resistentes às doenças que as acometem.

Bibliografia:
http://www.plantasonya.com.br
http://www.agronline.com.br/artigos/artigo.php?id=290

Arquivado em: Biologia, Ciências