Produto Interno Bruto

O PIB (Produto Interno Bruto) é caracterizado pelo total de valores contabilizados a partir dos bens e serviços produzidos por regiões, sendo Cidade, Estado ou País, em certo período, que pode ser anual, mensal ou trimestral. É um indicador bastante difundido e aplicado nas análises sócio-econômicas com o fim de mensurar o nível de desenvolvimento e economia de determinadas localidades. Os bens de consumo não são incluídos na margem de contagem.

O PIB possui duas vertentes, conhecidas como Nominal e Real. O PIB Nominal é relacionado ao valor dos preços atuais, o Real é calculado sobre o valor constante, ou seja, de acordo com o ano-base escolhido para análise. Para se calcular estes dois indicativos, é utilizado o deflator do PIB, cuja estatística é mensurada pela divisão do PIB Nominal com o Real e multiplicado pelo valor de Cem. O deflator do PIB irá analisar quais mudanças foram significativas para a alteração do fator somado e serve como base para monitorar o nível básico dos preços. Este indicador também é usado como base para o cálculo da Taxa de Inflação.

Além do PIB existe o PIL (Produto Interno Líquido), que é a base de referência para se calcular o valor da depreciação do capital. A diferença destes dois indicadores é justamente o índice Depreciação. Também se difere do indicador PNB (Produto Interno Bruto), o qual utiliza como base de análise a renda líquida enviada ao exterior (RLEE), pois o resultado do PNB é gerado pela soma do valor do PIB contabilizados com os valores de entrada e saída de capital.

Por ser uma medida com base no fluxo de produção não considera o estoque de capital (denominado Economia), tampouco o capital social, natural e humano. O índice de PIB Per Capita é mensurado com base em estatísticas de desenvolvimento humano, como os cidadãos que se beneficiaram do desenvolvimento e crescimento do país, e tiveram um incremento em suas rendas (porém não em renda mensal). Com o intuito de esclarecer a linha de medição do PIB, não leva em consideração a Distribuição de Riqueza, trata a Qualidade de Bens e Serviços como aditivos cujos registros são registrados da mesma forma. Exclui as transações que não sejam com base na economia do mercado, como serviços voluntários e serviços da internet.

O indicador de Renda Per Capita se baseia nos índices de despesa, renda e produtos, os quais somados atingem um montante absoluto, sendo dividido pelo número da população do país.  O termo per capita foi o primeiro a ser utilizado para quantificar e analisar a qualidade de vida de determinado país, portanto uma região pode obter um elevado PIB, por ser populoso, no entanto isso não significa que seu PIB Per Capita seja alto, pois a soma da renda deve ser dividida pelo número de pessoas. Países com índices baixos são China e Índia, já Dinamarca, Noruega e Suiça apresentam PIB moderado, o que garante uma excelente qualidade de vida a seus poucos habitantes.

Fonte:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Produto_interno_bruto
http://veja.abril.com.br/idade/exclusivo/perguntas_respostas/pib/produto-interno-bruto-pib.shtml

Arquivado em: Economia