Renda per Capita

Por Emerson Santiago
Renda per capita é o nome de um indicador que auxilia o conhecimento sobre o grau de desenvolvimento de um país e consiste na divisão do coeficiente da renda nacional (produto nacional bruto subtraído dos gastos de depreciação do capital e os impostos indiretos) pela sua população. Por vezes o coeficiente denominado produto interno bruto é usado.

No original em latim, a expressão "per capita" significa "por cabeça", portanto trata-se de uma renda por cabeça, ou seja, considerando-se membros da população em particular e sua participação na renda total do país.

Embora seja um índice muito útil, por se tratar de uma média amplamente utilizada na literatura econômica em geral, tal coeficiente esconde várias disparidades na distribuição de renda. Um país, por exemplo, pode ter uma boa renda per capita, mas um alto índice de concentração de renda e grande desigualdade social. Também é possível que um país tenha uma baixa renda per capita mas não haja muita concentração de renda, não existindo assim grande desigualdade entre ricos e pobres. Atualmente, os países com a mais alta renda per capita são, em primeiro lugar Luxemburgo, segundo Noruega, e em terceiro os Estados Unidos.

Também é importante notar que é impossível comparar as rendas per capita dos vários países com precisão, porque os preços de produtos similares não são iguais e as diferenças entre os preços dos produtos são desproporcionais entre si, o que torna impossível saber com certeza se um país X tem uma renda per capita maior que um país Y, mesmo usando corretores de PIB per capita. As estatísticas de renda per capita são usadas para se ter uma idéia grosseira do nível de vida dos habitantes de vários países e da produtividade industrial desses mesmos países.

A renda per capita ou renda média para cada habitante de um país, estado ou região, calcula-se dividindo a Renda total acumulado pelo numero de habitantes do país.

A quantidade total de bens e serviços produzidos num país durante um ano contitui o Produto Interno Bruto (PIB). O PIB refere-se apenas à produção interna, isto é, realizada dentro do país.

Levando em consideração os bens e serviços produzidos no pais, os recursos que entram e que saem, temos o Produto Nacional Bruto (PNB) medido por ano em cada país.

Portanto, o PNB é igual à produção interna mais os recursos vindos do exterior menos os que saem do país. Na prática, contudo, salvo raríssimas exceções, a diferença em valor entre o PIB e o PNB de um país é pequena.

  • PIB = toda a produção anual de bens e serviços ocorrida dentro do terrítorio do país.
  • PNB = PIB + renda (dinheiro) vinda do exterior - renda (dinheiro) que saiu para o exterior.

Tanto o PIB quanto o PNB são índices bastante utilizados para medir o grau de riqueza de um país. Normalmente, os países ricos têm PIB e PNB altos, e os pobres têm PIB e PNB baixos.

A renda per capita mostra a renda média da população. Normalmente os países desenvolvidos têm PIB e renda per capita maiores que os dos países subdesenvolvidos.

Bibliografia:
http://www.ipea.gov.br/pub/td/1998/td_0609.pdf - Página do IPEA - Renda e pobreza - Medidas per capita versus adultopequivalente
http://brasiliavirtual.info/tudo-sobre/renda-per-capita/ - Página Brasil Virtual - Tudo sobre renda per capita