Mucho e muy

Por Emerson Santiago
O uso e distinção de "muy" e "mucho" é motivo comum de confusão para o estudante da língua espanhola. Muy e mucho têm praticamente o mesmo significado, que é "muito", em português. A explicação para duas palavras dentro da mesmo língua com um uso semelhante é dada pela lenta e gradual conversão do latim na região da Espanha, de vulgar (popular) em espanhol, num processo que não foi nada linear.

Mesmo assim, há uma maneira de diferenciar as duas palavras. Podemos entender "muy" como significando "muito", associado à ideia de intensificar uma qualidade, como em "muito grande", "muito interessante", "muito bonito". Já "mucho", pode significar "vários", "demais" ou então "além do normal". Há ainda a forma "mucho más", em espanhol, que significa "bem mais" ou "muito mais". As palavras "tan" e "tanto" seguem em grande parte as regras estabelecidas para "muy" e "mucho".

Muy é um adverbio de quantidade, usado antes de adjetivos, advérbios, particípios e substantivos adjetivados.
Exemplos:

adjetivo:
Eres muy hermosa. / Você é muito bonita.

advérbio:
¿Cómo estás? Muy bien. / Como vai? Muito bem.

particípio passado:
Estás muy callado. / Você está muito calado.

substantivos adjetivados:
Los mexicanos tienen fama de ser muy machos.

Por outro lado, há casos em que se deve evitar o "muy". São eles:

ao acompanhar substantivos:
Hay muy mujeres aquí.
- CORRETO: Hay muchas mujeres aquí. / Há muitas mulheres aqui.

em função de advérbio independente:
Me gusta muy.
- CORRETO: Me gusta mucho. / Gosto muito disso.

Mucho pode ser um adjetivo (nesse caso, pode assumir a forma feminina, "mucha" e as formas plurais "muchos" e "muchas"). Mucho também exerce a função de advérbio de quantidade, tendo nesse caso o significado de abundante, ao acompanhar um substantivo ou ainda como advérbio independente. Para memorizar bem, lembre-se que mucho é empregado antes ou depois do verbo, imediatamente antes de ponto final e quando é feita alguma comparação.

Como adjetivo:
Tengo muchas dudas. / Tenho muitas dúvidas.

Como advérbio independente:
Te quiero mucho. / Gosto muito de você.

Há ainda casos excepcionais em que se usa o "mucho" no lugar de "muy", como por exemplo:

a) Com estes quatro adjetivos:
- mejor, peor, mayor, menor.
Temos: mucho mejor, mucho peor, mucho menor.

b) Com estes quatro adverbios:
- antes, después, más, menos.
Temos: mucho más, mucho menos, mucho antes, mucho después.

Mucho nunca modifica adjetivos e advérbios com exceção desses quatro adjetivos e advérbios. O restante, segue a regra estabelecida para "muy".

Bibliografia:
Diferenças entre "Muy" e "Mucho". Disponível em: < http://www.bomespanhol.com.br/gramatica/adverbios/diferencas-entre-muy-e-mucho >. Acesso: 25/04/13.