Arvorismo

O arvorismo é uma recente prática esportiva de aventura. Consiste na travessia de um percurso suspenso entre plataformas montadas na copas das árvores. Esse percurso é preparado de maneira estratégica, utilizando cabos de aço e cordas, com o objetivo maior de aumentar o desafio e a adrenalina dos aventureiros. Pode ser necessárias tirolesas ou outras formas de superar os obstáculos que podem ser naturais ou não.

Arvorismo. Foto: Christian Vinces / Shutterstock.com

Arvorismo. Foto: Christian Vinces / Shutterstock.com

Não é necessário ser atleta para praticar o arvorismo, mesmo porque o percurso é acompanhado por monitores. Além disso, a todo um aparato de segurança, chamado de kit arvorismo. O kit arvorismo é composto por: cabo de segurança, cadeirinha, polia, mosquetão e capacete.

Existem três modalidades de arvorismo:

O Arvorismo Acrobático – foi criado a partir arvorismo técnico, com o objetivo da diversão, do desafio. Com esse objetivo, é aumentado o grau de dificuldade dos obstáculos durante o percurso. São necessários equilíbrio, coordenação e ousadia.

Arvorismo Técnico – é o estilo utilizado normalmente por pesquisadores, com o objetivo de transpor as copas das árvores. Os pesquisadores normalmente têm seus próprios equipamentos.

Arvorismo Contemplativo – diferente das outras modalidades, no arvorismo contemplativo não há a necessidade dos equipamentos de segurança. O percurso é preparado com proteções laterais, plataformas mais amplas, e passarelas firmes entre as árvores, diminuindo muito a dificuldade e os desafios. O objetivo único é a contemplação da natureza.

O arvorismo técnico teve origem na Costa Rica, nos anos 80, por uma necessidade de cientistas que precisavam não só coletar espécies nas copas das árvores, mas permanecer nas alturas para observar o comportamento das espécies.

Para tanto, construíram plataformas estruturadas para possibilitar o pernoite nesses locais, dando origem ao arvorismo contemplativo.
Como prática esportiva, foi desenvolvida na Nova Zelândia e na França, a partir dos anos 90. Com o tempo, os percursos foram melhorados, foi aumentado o grau de dificuldade dos percursos, criando assim o arvorismo acrobático.

Arquivado em: Esportes