Futuro Simples

Por Leandro Cabral
1. Valores temporais:

* Ele exprime um fato ou uma ação posteriores em relação ao momento do enunciado.

Pode-se tratar:

- de um fato preciso, pontual;

- ou de um fato que supõe uma certa duração;

- ou de uma ação futura que se repete.

Ele é frequentemente reforçado ou preciso com a ajuda de um advérbio ou de um complemento circunstancial.

* Quando se trata de um acontecimento próximo e quase certo, o futuro simples concorre frequentemente com o presente ou com o “futur proche” – futuro próximo – construção: verbo “aller” (ir) no presente + infinitivo que, sobretudo na língua oral, tende a substituí-lo.

! – Mas as duas formas (futuro simples e futuro próximo) não são totalmente equivalentes. Elas se diferem pelo:

- sentido: o futuro próximo fica ligado ao momento do enunciado imediato. Ele exprime um fato que vai realizar-se; ele exprime freqüentemente um resultado, uma conseqüência. Esta noção e proximidade tem às vezes um valor mais imperativo.

- emprego: nem sempre é possível substituir um futuro próximo por um futuro simples.

2. Valores modais:

Já que o futuro exprime alguma coisa que ainda não foi realizada, ele comporta frequentemente uma parte de incerteza: segundo o contexto, a probabilidade que o fato se realize é maior ou menor.

* O futuro pode exprimir uma certeza:

- ele pode exprimir uma certeza suficientemente grande;

- ele pode exprimir uma ordem, uma obrigação, uma regra;

- futuro “eterno”: não se crê em uma mudança possível.

* O futuro pode exprimir uma incerteza:

- ele pode exprimir a eventualidade, a probabilidade, (quase sempre com os auxiliares “être” (ser / estar) ou “avoir” (ter);

- ele pode antecipar um fato, uma reação (em uma argumentação);

- ele pode exprimir uma emoção (cólera, por exemplo);

- ele pode também exprimir a boa educação (sobretudo oralmente).

3. Formação:

O futuro simples se forma a partir do infinitivo, salvo para certos verbos do terceiro grupo. As terminações são as mesmas para todos os verbos: -ai, -as, -a, -ons, -ez, -ont.

- Verbos do primeiro e do segundo grupo: infinitivo + terminações;

- Verbos do terceiro grupo terminados em -re: infinitivo sem “e” + terminações;

- Verbos do terceiro grupo terminados em -ir: infinitivo + terminações;

- Verbos do terceiro grupo terminados em -oir: radical + -r + terminações.

Entretanto, vários verbos têm sua formação no futuro irregular.