Censo de 2010

O Censo de 2010 é um levantamento (recenseamento) de natureza demográfica e social, destinado a recolher informações as mais diversas sobre as características básicas da população que compõe o país. Entre as informações recolhidas e computadas estão o número de homens, entre o total da população, o número de crianças, mulheres, ou ainda o número de indivíduos em suas diferentes faixas etárias (relativo à idade), ou mesmo a aferição do número de habitantes empregados ou aposentados, indivíduos de classes ricas, médias e pobres.

Segundo definição da ONU (Organização das Nações Unidas), "um recenseamento de população pode ser definido como o conjunto de operações que consistem em recolher, agrupar e publicar dados demográficos, econômicos e sociais relativos a um momento determinado, ou em certos períodos, a todos os habitantes de um país ou território''.

Enfim, tal recolha de dados presta-se a uma avaliação a mais racional e objetiva possível, que em última instância irá contribuir para um maior entendimento do país e de seu povo. Tal entendimento, por sua vez mostra-se  indispensável no momento em que o governo federal e os seus mais diversos órgãos irão planejar as diversas políticas públicas de desenvolvimento. O Censo torna-se, então, um dos principais indicadores da qualidade e da quantidade de recursos a serem aplicadas nos mais diversos campos.

Assim, se por exemplo, a amostragem mostra uma grande carência de políticas públicas de saúde em uma determinadas região (aferidas através da mortalidade, condições sanitárias, etc), faz-se imperativo alguma atitude do poder central para combater ou diminiuir tais números negativos.

No Brasil, tivemos nosso primeiro recenseamento em 1872. Outros levantamentos seguiram-se em 1900, 1920, 1941, 1950, 1960, 1970, 1980, 1991 e 2000. O recolhimento de dados ocorre através da visita a cada domicílio, realizada por um agente autorizado do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Este instituto organiza o recenseamento, bem como todos os dados e é responsável pelo recrutamento dos agentes recenseadores, que dá-se por meio de concurso público. Os agentes são contratados temporariamente, e recebem remuneração e material correspondente até o final do período de pesquisa. No censo de 2010 o indivíduo consultado possui a opção de acessar o website do IBGE e, além de obter as mais diversas informações acerca de todo o processo de recenseamento, poderá também verificar se o agente que solicita informações à porta é mesmo integrante da equipe do Censo, evitando assim, qualquer ato criminoso ou fraudulento por parte de terceiros com intenções escusas.

Bibliografia:
http://unstats.un.org/unsd/demographic/sources/census/docs/P&R_Rev2.pdf - Nações Unidas (2008).  Principles and Recommendations for Population and Housing Censuses. Statistical Papers: Series M No. 67/Rev.2. p8. ISBN 9789211615050. (em inglês).

http://www.ibge.gov.br/censo2010/ - Página do IBGE dedicada ao CENSO 2010 com todas as informações sobre o recenseamento.

Arquivado em: Demografia, Geografia