Grilos

Taxonomia
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Orthoptera

Em todo o mundo, existem cerca de 900 espécies de grilos. São insetos onívoros, terrestres e noturnos.

Estrutura

São insetos relativamente grandes: olhos compostos grandes, pronoto grande. O fêmur da perna posterior geralmente é dilatado para melhor desempenho nos saltos. Os grilos medem cerca de 1,5 cm, com as antenas do mesmo comprimento do corpo. Alguns possuem asas. Possuem órgãos auditivos para perceber os sons produzidos pelas suas asas.

Nutrição

O grilo sai em busca de alimento durante a noite, pois fica entocado durante o dia. Sua alimentação pode conter cereais, plantas, fungos, alimentos humanos tecidos de lã e restos de outros insetos.

Reprodução

Os grilos se reproduzem com grande facilidade, gerando um número grande de filhotes. Cada fêmea coloca cerca de 100 ovos durante seu período reprodutivo.

O grilo é um inseto ovíparo com metamorfose incompleta (não apresenta a fase de pupa).

Os ovos demoram entre 15 e 20 dias para eclodir, medem aproximadamente 2 mm, são razoavelmente translúcidos. A fêmea põe os ovos no chão durante o outono e as crias nascem na primavera seguinte. As ninfas (grilos jovens semelhantes aos adultos) sofrem de 5 a 7 mudas até se tornarem adultos (maturidade sexual), isso leva cerca de 60 dias. A maturidade sexual pode ser observada quando os machos começam cantar.

O ovopositor da fêmea é grande, delgado e cilíndrico; a genitália masculina pode não ser observada externamente. Além desta diferença, os machos são menores que as fêmeas – dimorfismo sexual.

Os grilos machos cantam para atrair as fêmeas para a reprodução. Somente os machos cantam. O som é emitido a partir da fricção entre as suas asas e é chamado de estridulação. Na borda de suas asas existem pelos, alinhados como pentes. Em cada época do ano, um som peculiar é produzido.

Curiosidades

Pessoas de algumas partes da Ásia mantêm grilos como animais de estimação há centenas de anos. Elas acreditam que eles trazem alegria e boa sorte, e seu canto é considerado uma excelente música.

Alguns chineses até levavam seus grilos em suas caminhadas; colocavam os insetos em recipientes, que ficavam guardados no bolso, para ouvir seu canto enquanto caminhavam (seria isso o início dos mp3 players?)

O modo como os grilos são criados se assemelha muito ao nosso modo de criar pássaros: em gaiolas, recebendo alimentação periodicamente, expostas em locais para ornamentar o ambiente e escutar seu canto.

Em alguns países os grilos são criados para serem vendidos como iguarias, animais de estimação e iscas para pescaria. Os grilos são animais asseados, fáceis de serem criados.

Referências
Zoologia dos Invertebrados. Edward E. Ruppert. Editora Rocca, 2005
http://zoopets.maisforum.com
http://pt.wikipedia.org/wiki/Grilo

Arquivado em: Insetos