Editorial

Por Fernando Rebouças
A opinião de uma empresa jornalística é expressa através de uma coluna ou espaço definido como “editorial”. A opinião sobre um fato ou tema pode pertencer à empresa no geral, direção ou equipe de redação e reportagem.

É no editorial que a visão jornalística se faz livre do conceito de imparcialidade e da obrigação objetiva no ato de redigir o texto. Os grandes jornais comumente publicam o editorial em longas colunas impressas nas primeiras páginas e muitas vezes próximas da “seção de expediente”.

É composto de texto opinativo e não informativo; o artigo de fundo são editorias maiores e mais analíticas. Em alguns veículos impressos, o editorial é assinado por um jornalista, o que subentende ser uma opinião individual e não coletiva do jornal.

O editorial deve em muitos casos refletir a opinião de modo seguro, sem colocar o assunto de forma empírica, muito menos colocar o veículo jornalístico em cima do muro. A melhor das convenções e orientações jornalísticas é o editorial ser um setor de opinião que não deve ser assinado individualmente, para não comprometer o jornalista e o veículo em si.

Ao pé da letra, o editorial é a posição do jornal, muitas vezes causa maior atenção do leitor quando referido a assunto polêmico. Artigo assinado é coluna de opinião, editorial é a opinião do jornal.