O homem invisível

A publicação do romance “O Homem Invisível”, de H.G. Wells, ocorreu em 1897. O livro apresenta Dr. Griffin como personagem principal. Ele é um cientista obcecado em encontrar a fórmula da invisibilidade e perde vários anos de sua vida nessa busca incessante. Após milhares de experiências, combinações e tempos de solidão em seu apartamento, o doutor consegue encontrar a fórmula perfeita e, após aplicá-la em um gato, utiliza-a em seu próprio corpo, tornando-se o homem invisível.

Após este ponto, o romance parte para a cidade de Iping (Inglaterra). Um estranho homem que nunca mostra o rosto, cheio de ataduras, hospeda-se na pousada "The Coach and Horses". A figura enigmática, de óculos escuros, luvas; e grande chapéu, causa um grande estranhamento no pequeno povoado. Dr. Griffin inventa a desculpa de que está queimado. Mostra-se um homem rude e de poucos amigos. Então, para não ser incomodado enquanto busca a fórmula reversa da invisibilidade, pede para não ser procurado em seu aposento. Porém, os moradores da cidade ficam desconfiados com o forasteiro.

No período de sua estadia na pousada, diversos estabelecimentos da cidade começam a ser roubados. Estes acontecimentos são novidades para a pacata Iping. Com isso, as suspeitas caem sobre a cabeça do novo hóspede. Estavam certos. O cientista, desprovido de recursos por estar naquela situação, começa a saquear a cidade a fim de conseguir terminar o antídoto. Gradualmente, os funcionários da hospedaria e outros personagens começam a perceber que coisas estranhas perseguem o cientista. Objetos que se movem sozinhos, uma parte do corpo de Griffin que, após mordida, sangra, mas não revela pele nem carne, começam a assustar os moradores da cidade.

Sob forte pressão do povoado, afetado por sua situação, o cientista surta e revela a sua invisibilidade. Joga suas roupas fora e começa a fugir da polícia, consegue escapar e refugia-se pela estrada. Conforme os capítulos avançam, mais louco Griffin fica, até chegar a um ponto em que se torna cruel e vingativo. Ele começa a usar sua situação como um escudo para continuar buscando o antídoto, mas, por ter sua fama espalhada por jornais locais, não consegue mais enganar as pessoas. Em seu retorno ao povoado próximo à pousada, Griffin é capturado por uma multidão e espancado até a morte. Após o alvoroço, o cientista, morto no chão, vai recuperando a sua visibilidade aos poucos.

Em outros romances de HG Wells, como A Ilha do Dr. Moreau, esta mesma temática é utilizada. No caso desta obra, um cientista louco faz experiência com animais no intuito de torná-los humanos.

Fontes:
WELLS, H. G. O Homem Invisível, Publicações Europa-América, Coleção Livros de Bolso / Série Ficção – Científica.
http://pt.shvoong.com/books/science-fiction/2030612-homem-invis%C3%ADvel/#ixzz1dp2kl9PT
http://pt.wikipedia.org/wiki/O_Homem_Invis%C3%ADvel

Arquivado em: Livros