Cálculo de Perímetro

Por Douglas Madeira Fernandes
O cálculo do perímetro de uma região pode vir a ser útil em certas situações do dia a dia; como por exemplo para se determinar a quantidade de arame farpado que é necessário para cercar um lote.

Se precisarmos calcular o perímetro de uma região, nós podemos nos deparar com três diferentes situações: a região ser um polígono, uma circunferência ou uma região com forma completamente aleatória.

1º caso (Polígono) : Se conhecermos o tamanho de cada lado do polígono, a única coisa que precisamos fazer para acharmos o perímetro é somar cada um deles. Por exemplo, um triângulo de lados 4cm, 4cm e 5cm terá o perímetro igual a 4cm + 4cm + 5cm = 13cm. Um campo de futebol que meça 100m x 70m terá o seu perímetro P = 100 + 100 + 70 + 70 = 340 m.

2º caso (Circunferência) : Para calcularmos o perímetro de uma circunferência, precisamos conhecer apenas do tamanho do seu raio. Aplicamos o valor diretamente na fórmula P = 2 π R, onde R é o raio. Por exemplo, uma lupa que tenha raio igual a 5 cm terá o seu perímetro P = 2 π R = 2 * 3.14 * 5 = 31.4 cm.

3º caso (Região Aleatória) : Se não conhecermos o tamanho dos lados de uma figura, como na figura abaixo, uma solução para acharmos o perímetro dela é contorná-la com um barbante para então esticá-lo e medí-lo. Outra solução seria contornar o polígono com pequenos segmentos de reta (o resultado será mais preciso se esses segmentos forem o menor possível), e então somar o comprimento destes segmentos.