Câmara de Neubauer

Por Marina Martinez
Câmara de Neubauer também referida como hemocitômetro, é uma lâmina grossa de uso microscópico, com formato retangular e normalmente de vidro, com uma depressão no centro, utilizada para fazer contagem de células por unidade de volume de uma suspensão. Podem ser contadas as células sanguíneas, tais como as hemácias ou eritrócitos, os diferentes tipos de leucócitos (leucócitos granulócitos e agranulócitos) como também as plaquetas. Além disto, podem ser enumerados também alguns microorganismos.

No centro desta lâmina existem várias linhas perpendiculares com marcações em quadrantes. Ao analisar em microscópico com a objetiva de imersão, pode-se perceber que existem três tipos de quadrantes, que juntos formam um quadrado maior. Estes quadrantes são usados para fazer as contagens e assim determinar a concentração de células em um determinado volume de fluido, para poder calcular a concentração de células no líquido global (do qual foi tirado à amostra analisada).

A amostra líquida contendo células a ser analisadas é colocada na câmara após ser diluída e logo em seguida coloca-se uma tampa de vidro (lamínula) sobre a câmara de Neubauer para fazer a contagem.

Atualmente, existem aparelhos automáticos que fazem este tipo de contagem. Porém, a contagem manual às vezes é necessária para verificar se o resultado obtido pelo aparelho é realmente válido, principalmente em caso onde há doenças graves como leucemia. Assim, a contagem através da câmara de Neubauer é recomendável para comprovar certos resultados, sendo usado em casos de dúvidas da metodologia automática.

Referências Bibliográficas:
http://bervieira.sites.uol.com.br/neubauer.htm
http://www.icb.usp.br/~bmm/materiais/P3a%20-%20Contagem%20de%20celulas%20em%20camara%20de%20Neubauer.pdf
http://pt.wikilingue.com/es/C%C3%A2mara_de_Neubauer