Barista

Por Ana Lucia Santana
O Barista - que vem do italiano ‘baristi’ e tem o sentido de ‘atendente de bar’ - é o especialista em transformar cafés de qualidade excelente, de safra especial, em bebidas singulares, mesclando-os com frutas ou outros drinks. Ele extrai o café expresso do equipamento no qual está reservado e, através de combinações inusitadas, procura atingir o que se chama de ‘a xícara perfeita’.

Barista. Foto: CandyBox Images / Shutterstock.com

Barista. Foto: CandyBox Images / Shutterstock.com

Este profissional cria novas bebidas baseadas em licores, cremes e outros drinks alcoólicos; geralmente trabalha em restaurantes e outros locais exclusivos. Como principal requisito este especialista deve ter um domínio completo de seu principal ingrediente, o café. Assim, ele deve saber distinguir entre os vários grãos e compreender integralmente o mecanismo da torragem, além de ter a capacidade de acionar a máquina, modelando-a para o uso deste produto.

Como se não bastasse todo esse processo, é essencial que o barista saiba aliar as propriedades do café ao seu consumidor e ao contexto no qual ele está sendo preparado. Há várias condições básicas para a elaboração desta bebida. O grão precisa ser triturado instantaneamente ou pelo menos 30 minutos antes da confecção do drink.

O creme que se revela na superfície deve igualmente demonstrar seus predicados; o ideal é que ele apresente a coloração da avelã e seja denso e regular; sua função principal é preservar o grau de calor do café. A xícara também é importante, pois ela deve ter o formato oval na parte inferior e a temperatura por volta de 40º C. O volume dela está sujeito à dose do café.

O barista não pode se resumir ao café expresso puro, é necessário saber mesclá-lo da maneira certa com outras bebidas dotadas de álcool. É importante também saber dosar o leite em estado vaporoso no equipamento. Na densidade certa ele constitui o ingrediente por excelência de bebidas que se consagraram entre os consumidores, como o capuccino, o mocaccino e o caffè latte.

O café sempre foi muito popular, consumido em qualquer bar ou confeitaria, mas foi na sua modalidade expresso - café feito em máquina de pressão e servido geralmente em xícara pequena – que ele realmente se consagrou no paladar de um consumidor mais requintado. Seu preparo exige um ingrediente de maior excelência; assim, foi este elemento que abriu novas perspectivas para esta bebida.

Diversos bares específicos e cafeterias charmosas abriram e conquistaram o gosto dos clientes, transformando o barista em um profissional cada vez mais requisitado pelo mercado. Na cidade de São Paulo há agora, inclusive, o Dia do Barista, comemorado na mesma data em que se festeja o Dia Nacional do Café, em 24 de Maio.

Fontes:
http://super.abril.com.br/superarquivo/2004/conteudo_124286.shtml
http://pt.wikipedia.org/wiki/Barista
http://dillanos.blogspot.com/2009/08/10-traits-of-highly-successful-baristas.html
http://www.holbrooksonline.co.uk/page8.htm