Carteiro

Carteiro é o profissional que distribui a correspondência enviada através da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos), também conhecida como Correios, portanto, normalmente, o carteiro é funcionário público federal.

Foto: Dmitry Kalinovsky / Shutterstock.com

Foto: Dmitry Kalinovsky / Shutterstock.com

O termo carteiro também é utilizado quando este tipo de trabalho é realizado por empresas particulares de encomendas expressas, conhecido como courrier.

Cabe ao carteiro separar a correspondência por setor ou distrito, pondo cada carta ou objeto nos escaninhos que correspondem às ruas; entregar as encomendas e correspondências (caixas, contas, etc.) na região sob sua responsabilidade; devolver a carta à central, quando o endereço estiver errado ou indicando o motivo da devolução para que a mesma seja devolvida ao remetente; solicitar as assinaturas da pessoa que recebe a carta ou pacote, quando isto se faz necessário; prestar conta das encomendas e correspondências recebidas e entregues; ordenar, conferir e fazer a triagem das entregas e garantir que seu trabalho seja assíduo e a entrega seja completa.

Para ser carteiro da ECT geralmente é solicitado o ensino fundamental ou médio e estar capacitado segundo as exigências do edital do concurso. Depois da aprovação no concurso é feito um treinamento.

Quando o carteiro vai trabalhar em empresas de remessas privadas, além do ensino médio, é exigido que o candidato possua carteira de habilitação, visto que as entregas são normalmente motorizadas.

As características desejáveis para ser um carteiro são: ter bom condicionamento físico para percorrer longas distâncias cotidianamente (carteiros caminham aproximadamente 20 km/dia) e suportar diversas condições climáticas como intenso calor, frio ou chuva; senso de responsabilidade; carisma; metodologia; agilidade, bom relacionamento interpessoal; dinamismo e raciocínio rápido e auto-motivação.

O carteiro tem um vasto campo de trabalho, visto que a troca de informações só faz crescer. O processo de globalização fez com que dados e mercadorias sejam trocados em grande escala, isto obrigou os serviços de entrega a se modernizarem para atender a crescente demanda e realizar esta troca de maneira rápida e eficaz.

Arquivado em: Profissões