MEC aplicará medidas de combate ao abandono escolar

22/03/2016 - 20h43 - Por Karoline Figueiredo





Durante a apresentação do Censo Escolar 2015 hoje (22/03) o ministro da educação, Aloizio Mercadante, anunciou as providências a serem tomadas a partir do mês de abril para resgatar jovens entre 15 a 17 anos de idade que abandonaram os estudos.

De acordo com o levantamento do Censo Escolar 2015, cerca de 1,6 milhão de alunos deixaram de frequentar a escola ao decorrer do ano. O maior número de abandono está na área urbana das grandes cidades. "Vamos buscar o apoio das equipes da Saúde da Família dos Cras (Centro de Referência de Assistência Social) do Bolsa Família, além das secretarias de assistência social e da saúde dos estados e municípios", esclareceu o ministro.

Um dos investimentos do Ministério da Educação (MEC) será o Ensino Técnico Profissional. Segundo dados coletados do Censo, existe atualmente 1,9 milhão de estudantes matriculados na Educação Profissional. Outra medida a ser implantada será a ampliação de possibilidades de Certificação para o Ensino Médio, que passará a contar com uma avaliação específica, além da solicitação atual por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apresenta a existência de 3 milhões de estudantes entre 4 a 17 anos fora da idade correspondente ao ano escolar. Como proposta de melhoria, o MEC afirmou um acordo com o Ministério Público Federal, Tribunal de Contas da União, e Tribunais de Contas dos Estados e Municípios que visa monitorar a utilização dos recursos públicos aplicados na Educação.

Confira a apresentação completa do Censo Escolar 2015.