A Fundação L'Oréal e a UNESCO lançam uma nova iniciativa: 'Homens Campeões em Prol de Mulheres na Ciência'

23/03/2018 - 09h01 - Por PRNewswire





PARIS, 23 de março de 2018 /PRNewswire/ -- Na quinta-feira, 22 de março, durante a 20a cerimônia anual da premiação da L'Oréal-UNESCO Para as Mulheres na Ciência, a Fundação L'Oréal e a UNESCO lançaram a iniciativa "Homens Campeões em Prol de Mulheres na Ciência". A meta é simples: contribuir para o melhor equilíbrio entre homens e mulheres na ciência para a obtenção de um progresso mais eficaz.  

Vinte e cinco homens cientistas proeminentes já se comprometeram com a iniciativa, entre eles o matemático Cédric Villani, o geneticista Axel Kahn, Étienne Klein, diretor de pesquisas da CEA (Comissão Francesa de Energia Atômica) e Mouin Hamze, secretário-geral do CNRS (Conselho Nacional Francês para a Pesquisa Científica) no Líbano.

Veja aqui a lista completa dos Homens Campeões. 

UM MENOR NÚMERO DE MULHERES CAUSA PROBLEMAS RELATIVOS À QUALIDADE DAS PESQUISAS 

Nos últimos 20 anos, a porcentagem de mulheres trabalhando na área de ciências apresentou um aumento de cerca de 12%, mas o número continua a ser muito baixo: as mulheres representam menos do que 30%[1] dos pesquisadores. As barreiras ainda existem; as mulheres ocupam apenas 11% das posições de liderança acadêmica na Europa. E somente 3% dos Prêmios Nobel de Ciências foram concedidos a mulheres.

O número menor de mulheres impacta a qualidade em si das pesquisas científicas. Por exemplo, estudos demonstram que a falta de diversidade no setor da inteligência artificial levou ao desenvolvimento de software que reproduz, ou até mesmo amplia estereótipos, especialmente os relacionados ao gênero[2].

UMA COLIGAÇÃO DE ALIADOS COM O OBJETIVO DE ALTERAR A IMAGEM DA CIÊNCIA  

Para incentivar a colaboração entre mulheres e homens, a Fundação L'Oréal e a UNESCO estão lançando uma nova iniciativa denominada "Homens Campeões em Prol de Mulheres na Ciência". Homens cientistas foram convidados a assinar um estatuto de compromissos transparentes e mensuráveis com os seguintes objetivos:

  • Promover o acesso ao financiamento de pesquisas realizadas por mulheres
  • Proporcionar a igualdade de oportunidades de recrutamento
  • Empenhar-se para obter um melhor equilíbrio em publicações e direitos autorais.

Consulte o Estatuto dos Compromissos aqui.

"Queremos acelerar as mudanças direcionadas à eficácia e ao equilíbrio entre os gêneros na ciência com o objetivo de ajudar a promover o conhecimento científico para o benefício de todos e melhor abordar os desafios enfrentados no mundo de hoje", disse Jean-Paul Agon, presidente da Fundação L'Oréal.

1. Relatório de ciências UNESCO: Towards 2030 (Em direção a 2030) (2015).

2. "Semantics derived automatically from language corpora contain human-like biases" ("Semântica derivada automaticamente da linguística de corpus contém preconceitos característicos do ser humano"), Aylin Caliskan, Joanna J. Bryson, Arvind Narayanan, revista Science (14 de abril de 2017).

 

 

 

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/655919/LOreal_Foundation_UNESCO.jpg 
Foto - https://mma.prnewswire.com/media/655923/LOreal_Foundation_UNESCO.jpg 
Foto - https://mma.prnewswire.com/media/655920/LOreal_Foundation_UNESCO.jpg 
Foto - https://mma.prnewswire.com/media/655921/LOreal_Foundation_UNESCO.jpg 
Foto - https://mma.prnewswire.com/media/655922/LOreal_Foundation_UNESCO.jpg

FONTE L'Oréal Foundation