Angelina Jolie luta por causas humanitárias em diversos países; suas ações já beneficiaram milhares de pessoas

24/11/2017 - 09h04 - Por Karoline Figueiredo





A atriz americana Angelina Jolie tornou-se exemplo de inspiração e luta pelas causas humanitárias em diversos lugares do mundo. Seu interesse foi despertado a partir do ano 2.000 quando ela viajou ao Camboja (país da Ásia) para gravar o filme "Lara Croft: Tomb Raider". Comovida com a situação local, a artista passou a acompanhar o ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados - UNHCR/sigla inglês) em diversos campos com o objetivo de fornecer ajuda aos desabrigados.

Em 2.001, Angelina foi nomeada Embaixadora da Boa Vontade do ACNUR por ter realizado 40 missões, sendo algumas destas localizadas entre as regiões mais remotas do mundo. Em abril de 2.012, foi nomeada Enviada Especial do ACNUR. Como Enviada Especial, ela passa a representar o ACNUR prestando assistência também às grandes crises globais das quais resultam em deslocamento em massa de pessoas. Além disso, a atriz começa a interagir em nível diplomático com outras autoridades para a resolução destas questões.

Angelina Jolie, além de sua dedicação ao voluntariado, realiza também doações significativas ao ACNUR para contribuição de diversas causas. Os fundos doados são direcionados à construção de Escolas em locais como o Quênia e o Afeganistão (já concretizados); são enviados para famílias e cidades com o intuito de suprir necessidades e desenvolver diversas localidades habitadas. Ela ainda viaja para lugares que sofrem catástrofres, lugares com crianças em estado de vulnerabilidade, lugares que precisam da preservação ambiental, entre outros.

No ano de 2.003, ela criou a "Maddox Jolie-Pitt Foundation" voltada à conservação do Comboja que consequentemente expandiu-se para a agricultura, educação, saúde, formação profissional, infra-estrutura, planejamento rural, entre outros programas.

Em 2.005 também criou o "Centro Nacional para Crianças Refugiadas e Imigrantes" que oferece serviços gratuitos para jovens que necessitam de abrigo; Em 2.008, Angelina criou em parceria com a Microsoft a "Kids in Need of Defense (KIND). O programa conta com o auxílio de escritórios de advocacia, departamentos jurídicos de empresas, Organizações Não Governamentais (ONGs) e voluntários para prestar assessoria jurídica às crianças imigrantes desacompanhadas nos Estados Unidos; Em 2.007 tornou-se membro influente no Conselho de Relações Exteriores na qual financia relatórios de causas especiais entre outros programas.

Em 2.010 criou no Haiti o programa "Jolie Legal Fellows" com o propósito de melhorar as condições governamentais na aplicação de medidas eficientes e construtivas à sociedade. Inicialmente, o programa levou jovens advogados para ajudar o governo a proteger as crianças.

Outras iniciativas foram desenvolvidas e novas ideias ainda são planejadas. Como resultado de sua dedicação, Angelina recebeu diversos prêmios e homenagens ao longo dos anos.

Atualmente, a atriz ministra aulas como professora visitante na Universidade inglesa London School of Economics and Political Sciense. Entre os temas abordados estão o impacto dos conflitos armados na vida de meninas e mulheres, direitos humanos, entre outros.

Fontes: www.angelinajoliebrasil.com.brwww.estudarfora.org.br