Ausentes no ENADE 2016 terão até 31 de janeiro para regularizar situação

20/12/2016 - 15h04 - Por Karoline Figueiredo
Sempre abrir.

Os estudantes que não compareceram ao Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE) 2016 terão até dia 31 de janeiro de 2017 para pedir dispensa da avaliação e regularizar a situação. É obrigatório que o aluno apresente uma justificativa junto ao pedido na Instituição de Ensino onde está matriculado.

A Instituição pode deferir ou indeferir o pedido conforme sua avaliação. O pedido deferido será registrado no sistema do INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) pelo coordenador do curso daquele universitário. No caso de pedido indeferido pela Instituição, o candidato poderá apresentar sua justificativa de ausência diretamente ao INEP entre os dias 8 a 22 de fevereiro de 2017, encaminhando original ou cópia autenticada do documento comprobatório. Acesse o site para obter mais informações.

As provas foram aplicadas dia 20 de novembro e esta edição registrou o menor número de faltantes da história. Entre os mais de 200 mil candidatos inscritos, 195.859 realizaram as provas, ou seja 90,7 % dos estudantes.

Neste ano participaram estudantes das seguintes áreas: Agronomia; Biomedicina; Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Serviço Social, Zootecnia e também os cursos Tecnólogos de Agronegócio, Estética e Cosmética, Gestão Ambiental, Gestão Hospitalar e Radiologia.

As maiores abstenções foram nos cursos de Tecnologia em Gestão Ambiental (23,1%) e Tecnologia em Radiologia (17,5%). Já o menores índices de ausentes foram os cursos de Medicina (1.9%) e Odontologia (4%).

Questionário do Estudante poderá ser preenchido até o dia 22 de fevereiro mesmo para aqueles que realizaram as provas. O Questionário é obrigatório para os universitários do último ano que realizaram o Exame 2016. Caso não seja concluído esta etapa, os alunos ficarão irregulares e não poderão Colar Grau.

O ENADE acontece anualmente desde 2004. Foi criado para avaliar o desempenho dos estudantes em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos de graduação; também para analisar o desenvolvimento e habilidades necessárias para formação geral e profissional e verificar o nível de ensino no Brasil e em comparação aos outros países.